Fique de Olho: Patriots x Rams

Patriots chegam a semana 13 da temporada em primeiro lugar na AFC, mas precisando vencer para se manter no topo. Veja os pontos mais importantes para ficarmos de olho da partida entre Patriots x Rams!

Fique de Olho: Patriots x Rams

ATAQUE

Já começamos com a notícia da semana, Gronkowski não jogará mais nesta temporada. Sem ele em campo, será a oportunidade de Bennett mostrar todo seu potencial, mas ele também está com uma lesão no tornozelo.

Como os Patriots pouco utilizaram a formação com dois TEs até agora, o ataque não deve mudar tanto sua configuração e já vimos do que Bennett é capaz. Claro que Gronk é insubstituível, mas temos armas suficientes para manter o ataque funcionando.

Não tem como a defesa deles cobrir Edelman, Hogan, Lewis, White e Bennett ao mesmo tempo, por exemplo.

Assim como os Jets, o forte dos Rams é a DL, com Aaron Donald (6 sacks) liderando a unidade que já tem 22 sacks no ano e 6 INTs. Então, novamente, será dar tempo para Brady achar os receivers contra uma defesa que cedeu 555 jardas e 49 pontos contra os Saints, e cede uma média de 228 jardas por partida.

Com o retorno de Lewis e Blount correndo bem, não dá mais para as defesas se concentrarem somente em Brady, o que ajuda abrir mais espaços, principalmente pelo meio do campo.

O foco será a OL segurar Donald, principalmente se o joelho de Brady ainda estiver incomodando, impedindo que ele se movimente no pocket.

DEFESA

Quarterbacks rookies nunca venceram no Gillette Stadium, esperamos que continue assim. Jared Goff tornou-se titular dos Rams a algumas semanas e ainda vem aprendendo um playbook que não foi preparado para ele, limitando muito o que o ataque pode fazer.

O ataque aéreo dos Rams conquista uma média de 212 jardas por partida, mesmo com bons receivers, como Kenny Britt, Tavon Austin e Brian Quick. Será mais uma briga entre nossa secundária e receivers altos como Britt e Quick.

Novamente, a o plano de jogo precisa incluir uma DL mais agressiva, contra uma OL que já cedeu 27 sacks e teve seu LT titular no banco semana passada. Contra um QB rookie, fora de casa, quanto mais apertar, mais difícil será para ele se achar em campo.

Não podemos esquecer do RB Todd Gurley, que vem fazendo um ano mediano, uma vez que o ataque aéreo dos Rams não funcionava, era previsível que correriam. Com a suspensão de Branch revogada pela NFL, nosso front seven estará inteiro e saudável, então aposto mais em nossa defesa que é a 4a contra o jogo terrestre.

E aproveitar toda essa conjuntura de QB rookie, fora de casa, aprendendo playbook para forçar mais turnovers, a defesa precisa disso.


Acompanhe nosso Abre o Jogo ao vivo pelo facebook, a partir das 15:30!

Deixe uma resposta