Raio-X completo do Pittsburgh Steelers

Neste domingo, os Patriots jogarão sua vida contra o Pittsburgh Steelers. Com um grande ataque e uma defesa sólida, Pittsburgh será um adversário dificílimo para os Pats.

Para você saber as grandes armas dos Steelers, separamos os números e estatísticas de cada setor do rival na temporada regular.

Raio-X completo do Pittsburgh Steelers

Ataque:

Números gerais:

• 7° melhor geral
• 5° melhor aéreo
• 14° melhor corrido
• 10° com mais pontos por jogo (24,9)

Líderes em recepção:

• WR Antonio Brown: 106 recepções
• RB Le’Veon Bell: 75 recepções
• WR Eli Rogers: 48 recepções
• TE Jesse James: 39 recepções
* WR Sammie Coates: 21 recepções

* Grande ameaça para big plays, média de 20.9 jardas por passe segurado.

Líderes em corridas:

• RB Le’Veon Bell: 261 carregadas
• RB DeAngelo Williams: 98 carregadas

As estrelas:

QB Ben Roethlisberger

Duas vezes campeão do Super Bowl, Big Ben é um dos maiores jogadores da história do Pittsburgh Steelers. No seu 13° ano de liga, o líder do time sofreu e vem sofrendo com lesões ao decorrer do ano. Na temporada regular, Roethlisberger lançou para 3,819 jardas, 29 touchdowns e 13 interceptações. Mesmo com números não tão expressivos, tem que se respeitar muito o QB dos Steelers, futuro hall da fama.

RB Le’Veon Bell

O running back mais completo da NFL. Bell vem tendo uma temporada fantástica. Suspenso dos três primeiros jogos da temporada regular, o RB voltou a atuar ainda mais inteiro, após sofrer com lesões em anos anteriores. Seus números assustam, são 1,268 jardas corridas, 616 jardas recebidas, média de 4.9 jardas por carregada e 9 touchdowns totais. Além de todo talento natural, Le’Veon ainda conta com uma ótima linha ofensiva na sua frente.

WR Antonio Brown

Discutivelmente, o melhor wide receiver da NFL. Mesmo polêmico com suas dancinhas e vídeos gravados, Brown não deixa isso afetar seu jogo. Um exímio corredor de rotas, Antonio tem estatísticas invejáveis para qualquer recebedor. Ele recebeu 106 passes para 1,284 e 12 touchdowns na temporada regular. É importante também destacar as 12.1 jardas recebidas de média a cada vez que recebe um passe.

Pittsburgh Steelers

Defesa:

Números gerais:

• 12ª melhor geral
• 16ª melhor contra o passe
• 13ª melhor contra corrida
• 10ª melhor em pontos cedidos por jogo (20.4)

Líderes de tackles:

• LB Lawrence Timmons: 114 tackles totais
• LB Ryan Shazier: 87 tackles totais
• FS Mike Mitchell: 77 tackles totais
• SS Sean Davis: 70 tackles totais
• CB Artie Burns: 65 tackles totais

Líderes em sacks:

• LB James Harrison: 5 sacks
• LB Bud Dupree: 4.5 sacks
• DE Stephon Tuitt: 4 sacks
• LB Ryan Shazier: 3.5 sacks
• LB Arthur Moats: 3.5 sacks

As estrelas:

LB James Harrison

38 anos. Duas vezes campeão do Super Bowl, cinco vezes Pro-Bowler, duas vezes All-Pro, jogador defensivo do ano em 2008. É quase impossível encontrar um linebacker com um vasto currículo e jogando em alto nível que nem James Harrison. Parece que a idade ainda não chegou para ele. Nos playoffs, Harrison vem sendo o melhor jogador defensivo da NFL. Muito cuidado com ele.

LB Ryan Shazier

Um linebacker completo, esse é Shazier. Para se ter uma noção, ele é o líder de interceptações e fumbles forçados do Pittsburgh Steelers na temporada. Na semana 7 contra os Pats, Shazier estava voltando de lesão e não conseguiu produzir muito. Porém, para domingo não poderemos se ver livres dele. O camisa 50 estará por toda parte do campo.

Pittsburgh Steelers

Outras observações:

• Somando o tempo de liga de toda a secundária titular dos Steelers, Tom Brady sozinho possui mais experiência. Em um jogo de playoffs, o nervosismo poderá atrapalhar os DBs dos Steelers, e Brady estará pronto para dar o xeque-mate.

• Um problema sério da defesa do Pittsburgh Steelers é os tackles perdidos. O time vem pecando para conseguir parar jogadas. Ryan Shazier é o quarto LB com mais tackles perdidos em toda NFL. Já Stephon Tuitts é disparado o DL com mais.

• Ao longo da temporada regular, os Steelers cometeram 20 faltas a mais do que os Patriots. Em número de jardas cedidas por elas, Pittsburgh teve quase 200 a mais do que New England.

• Das 11 vitórias dos Steelers na temporada regular, apenas 2 foram sobre times que chegaram aos playoffs, Giants e Chiefs, ambos eliminados.

Deixe uma resposta