A promissora estreia de Mac Jones

Mac Jones

A estreia de Mac Jones gerou uma expectativa gigantesca pelos lados de New England. Há muito um jovem não gerava tanta atenção.

Vários fatores pesaram para isso, desde o vácuo deixado após a saída de Tom Brady até o investimento feito pelos Patriots ao utilizarem a 15ª escolha geral do draft para selecionar o quarterback.

O primeiro jogo de Mac já está nos livros, como se diz, e cabe a nós analisar o desempenho do jovem em seu primeiro jogo como titular.

Expectativas x realidade

Não podemos negar que as expectativas eram grandes sobre a estreia de Jones com a camisa dos Patriots.

Mesmo assim é possível dizer que eram grandes dentro de um contexto. Não se esperava que Mac tomasse o jogo de assalto e tivesse uma partida histórica, mas que o calouro se comportasse como alguém que pode ser titular em uma franquia da NFL.

Nesse sentido, é possível dizer que as expectativas sobre Mac Jones foram atingidas, e que o novato fez uma boa estreia ainda que não tenha conseguido levar seu time à vitória.

Passemos a analisar essas afirmações em detalhes.

Leituras e decisões

Desde seu sucesso em Alabama até as performances no training camp e jogos de pré-temporada, Mac Jones se apresentou como um quarterback que toma boas decisões e tem um bom entendimento das formações que as defesas adversárias lhe apresentam.

Durante a offseason, poucas vezes vimos Mac ser pego de surpresa ou se mostrar despreparado para o que a defesa lhe impunha.

Contra os Dolphins, Jones tomou boas decisões na maioria dos snaps.

Identificando bem os espaços e os matchups, na maioria das vezes a bola foi lançada na direção do recebedor que melhor daria condições ao time de avançar.

Em 2020 tivemos inúmeros exemplos de jogadas em que Cam Newton não foi capaz de identificar uma blitz, e o ataque dos Patriots foi para o snap sem chances de sucesso.

Mac não apenas se mostrou bastante capaz em identificar os jogadores adversários que ameaçavam blitz, como foi preciso nos ajustes da linha ofensiva e dos recebedores para não permitir que defensores chegassem sem bloqueio.

No lance acima, Mac identifica a blitz dos Dolphins e desloca Jakobi Meyers para a extremidade da linha, evitando assim que um defensor tenha o caminho livre até o quarterback. O resultado é um passe completo para Hunter Henry e o first down.

Além das blitz, Jones também se mostrou capaz de reagir à movimentação da defesa após o snap.

As defesas costumam confundir calouros mostrando um visual antes do snap, e mudando a formação logo depois.

Mac mostrou maturidade nesse sentido. Confira o lance abaixo:

A defesa de Miami mostrou uma cobertura com um safety em profundidade antes do snap. Com a jogada em andamento, a formação defensiva mudou para dois safeties no fundo. Jones percebeu a mudança e encontrou um bom passe para Nelson Agholor.

Precisão

A anunciada precisão nos passes de Mac Jones pôde ser vista logo em sua estreia.

O calouro raramente lança passes perigosos para seus recebedores ou que tenham grandes chances de serem interceptados.

Na história da NFL, 61 quarterbacks calouros tentaram pelo menos 30 passes em sua partida de estreia. Deles, apenas Mac Jones completou mais de 70% dos passes tentados.

Além disso, Mac é apenas o quarto jogador desde 1950 a ter em sua partida inaugural pelo menos 275 jardas, 1 TD, nenhuma interceptação e ao menos 70% de taxa de acerto de passes.

Sob pressão

Um fator que costuma complicar a vida de quarterbacks calouros/inexperientes é a pressão.

Sob pressão, muitos passadores se afobam por receio de sofrer pancadas e apressam as jogadas ao ponto de o sucesso se tornar impossível.

Mais uma vez, Mac Jones mostrou impressionante maturidade.

Em várias situações contra os Dolphins, a pressão chegou forte, e mesmo assim Jones não se afobou.

Vários de seus passes completos aconteceram em jogadas onde o defensor estava chegando e Mac segurou até o último momento para lançar a bola, sabendo que sofreria o hit.

https://twitter.com/NFL/status/1437179604993642500

Na jogada acima, Jones sabe que vai sofrer a pancada, mas espera até o momento correto para lançar o passe.

Ao todo foram 9 hits sofridos por Mac no jogo. Nessas 9 jogadas, o quaterback completou 6 passes, sendo 4 deles para first down ou touchdown.

De acordo com a medição do Pro Football Focus, quando sob pressão, Mac Jones acertou 8 de 13 passes tentados para 74 jardas e 1 touchdown.

Playbook conservador?

Os Patriots costumam ter cuidado com calouros. Era natural que estreando um quarterback, a comissão técnica faria de tudo para colocar Mac Jones em situações confortáveis.

Isso pôde ser visto no jogo contra os Dolphins principalmente no primeiro tempo, quando o plano de jogo ofensivo claramente buscou preservar o quarterback novato.

No entanto, quando o placar e as circunstâncias do jogo exigiram, Mac soltou o braço e mostrou que é capaz no que faz.

Isso gerou questionamentos sobre se a comissão técnica não teria sido conservadora demais na escolha das jogadas, chamando, por exemplo, corridas em grande parte das segundas descidas.

Qualquer que seja o caso, após reverem o tape do jogo, Bill Belichick, Josh McDaniels e companhia certamente devem chegar à conclusão que o playbook ofensivo não será engessado pelas limitações do quarterback.

Esperamos, assim, um Mac com mais liberdade no futuro.

Veredito sobre a estreia de Mac Jones

Não é hora para empolgação, mas é impossível olhar para o que Mac Jones fez em sua partida de estreia e não chegar à conclusão de que os Patriots parecem ter encontrado um quarterback capaz.

Equilibrado, com boas tomadas de decisão, frieza no pocket e precisão nos passes, Jones se comportou como um quarterback mais experiente em sua primeira partida.

Devemos ressaltar que Mac não teve qualquer defesa pela frente, mas a bela unidade comandada por Brian Flores. Uma defesa bastante agressiva, com uma secundária que dificulta a vida dos recebedores.

Mesmo assim, Jones jogou bem o suficiente e a vitória apenas não veio por fatores que fogem ao desempenho do quarterback.

E você, caro leitor, gostou da estreia de Mac Jones?


Foto de capa de Adam Glanzman / Getty Images.

Confira tudo sobre a temporada dos Patriots acompanhando nosso Twitter e Instagram.

Compartilhe esta matéria:

Share on facebook
Share on twitter

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O Patriotas é um fã clube oficial no Brasil e reconhecido pelo New England Patriots nos Estados Unidos.

Site desenvolvido pela equipe Patriotas.