A reconstrução da secundária

No ano de 2014, os Patriots tiveram possivelmente a melhor secundária da liga e da era Belichick, com as adições de Darrelle Revis e Brandon Browner. Em 2015, Patriots decidiu não exercer seu direito às opções de contrato dos dois, além de ter desligado Alfonzo Dennard e Kyle Arrington, que já assinaram com Cardinals e Ravens, respectivamente, restando nenhum dos cornerbacks titulares de 2014. Agora Logan Ryan é o corner com mais experiência no time, indo para seu 3º ano.

secundária
EAST RUTHERFORD, NJ – Logan Ryan retornando uma INT contra os Jets

 

No draft de 2015, os Patriots ignoraram a posição de cornerback até o sétimo round, onde o time selecionou Darryl Roberts (de Marshall), e acrescentaram o safety Jordan Richards, de Stanford no segundo round.

secundária
Jordan Richards, Stanford

 

Jogadores da secundária atualmente

Hoje os corners que compõe o elenco são: Logan Ryan (3º ano), Bradley Fletcher (Eagles), Malcolm Butler (2º ano), Justin Green (2º ano), Daxton Swanson (49ers), Darryl Roberts (7º round), Jimmy Jean e Eric Patterson. No slot, somente Robert McClain (Falcons).

http://www.youtube.com/watch?v=4oi3pDKusxc

Ryan, Fletcher e Butler são talvez as únicas certezas que temos, e Green tem alguma experiência de jogo da temporada de 2013. Roberts talvez seja uma surpresa, com 6´0” de altura e considerado por alguns scouts e pelo site Pro Football Focus para ser draftado no 2º round. Swanson, Jean e Patterson talvez lutarão para conseguir uma vaga no special team.

No slot, McClain tem mostrado potencial, e talvez Richards seja utilizado para fazer a rotação.

Além disso, nunca esqueçamos que Devin McCourty foi draftado no primeiro round como cornerback, tendo sido movido depois para safety. Trazê-lo de volta para CB não seria a melhor opção, por deixar a posição de safety desguarnecida, mas não pode ser desconsiderada.

Apesar das contratações de peso em 2014, a defesa dos Patriots ficou na 8ª posição em % de passes completos, enquanto a de 2013 ficou em 4º lugar. Um ponto significante foi o pass rush, que caiu de 48 sacks em 2013 para 40 em 2014. Um forte front seven pressiona o QB, levando o mesmo a decisões precipitadas e a mais erros.

Como vimos durante esta offseason, os Patriots tem investido pesado no pass rush, e ainda não descartamos uma troca por um corner titular até o início da temporada. Por mais que um front seven forte seja imprescindível para o time, hoje não temos nenhum top corner, e isso será um problema em uma liga cada vez mais voltada para o passe.

E você torcedor Patriota, gostaria que houvesse uma troca? E por qual corner poderia melhorar essa secundária?

Compartilhe esta matéria:

Share on facebook
Share on twitter

Este post tem 11 comentários

  1. Cara, sou torcedor do eagles e já sofri muito por causa do fletcher.. ele é simplesmente horrível, entregou a divisão ao dallas. Coloca os gandulas pra jogar de CB, mas ele não..

    1. Com certeza Bill Belichick viu algo de bom nele, esperamos que isso apareça em campo!

  2. O que mais me preocupa é isso, quando os torcedores do ex-time dão graças a Deus que o cara foi embora. Enfim, não temos aqueles corners de encher os olhos, mas BB sabe o q faz mesmo que todos duvidem. Boa sorte na nova função do site, Felipe. Sucesso.

    1. Tb estamos preocupados com isso, pq a princípio, não há nenhum CB top disponível no mercado. E obrigado!

  3. Só uma correção galera, o Roberts tem 6’0″ de altura, segundo o site da faculdade dele e também no nfl.com. Quanto ao plantel de cornerbacks, realmente me assusta muito. Acho que, definitivamente, precisamos de um top cornerback ou de um jogador bom com maior estatura, visando a marcação homem-a-homem de wide receivers altos, tão valorizados ultimamente na liga. Como exemplo maior disso foi aquele “desconhecido” do Seahawks que nos destruía em campo até o BB colocar o Browner pra marcá-lo homem-a-homem. Enfim, mesmo assim confio em BB e sua turma!!! #GoPats

    1. Corrigido! Valeu pelo toque!
      Esperamos que BB faça algum movimento mais pra frente e traga um corner número 1, mas por enquanto não temos a mínima ideia disso.

  4. Parabéns Felipe pelo excelente começo e espero ver mais posts seus no decorrer de sua nova função. Acho que BB não trará mais ninguém Top 1 Corner da liga pelo menos até o começo da temporada. Ele quer testar os novatos e segundo anistas. Se ele conseguir que Buttler, Ryan ou Green dê um salto significativo na carreira a missão já estará concluída. Comprar é muito fácil, formar é o diferencial de BB e dos Patriots.
    Abs Felipe e um bom ano de coberturas!!!

    1. Muito obrigado, espero poder contribuir mais com o site e que consiga trazer mais e mais informações pra torcida Patriota aqui no Brasil.
      O difícil de trazer um top corner é que se o cara é top, não estará disponível, ou sairá mto caro. Eu ainda acho que vai rolar uma troca, como aconteceu com o Talib, e nossa secundária ficará um pouco mais equilibrada, como em 2013. Não era top, mas chegamos a final da AFC.
      Obrigado novamente!

  5. Mesmo com Revis rolava umas besteiras. Sem um top corner resta torcer para o Butler render, já que sempre se ouve elogios a seu respeito. inteligente já sabemos que é. Espero que o Front Seven seja top, para ajudá-los.

    1. Esperamos que ele tenha uma função mais significativa essa temporada, ano passado ele não jogou mto. E com certeza um front 7 forte ajuda sim, mas pra mim, é a secundária forte que manda, como vimos neste superbowl.

  6. Acredito que manter a secundária que nos ajudou na campanha da última temporada seria muito caro e como já foi dito pelo Caserio, manter o Revis poderia atrapalhar a manutenção do C.Jones, D.Hightower e J. Collins. Revis é um top corner mas vai ganhar no Jets mais que o Brady no Patriots e apesar de excepcional começa a apresentar um declínio físico, Revis foi batido por recebedores velozes e com grande agilidade, tanto que não foi ele o responsável pela marcação de TY Hilton contra os Colts. Browner veio com um custo mais baixo devido a suspensão de 04 jogos, mas durante a temporada cometeu inúmeras faltas e acredito que BB não goste muito desse perfil de jogador e com a saída do Revis o tipo de cobertura da defesa deve mudar fazendo com que o Browner perdesse valor para o time. A saída do Arrington me surpreendeu por ele ser experiente, conhecer o sistema e ainda poderia ajudar os mais novos, mas pelo jeito o cap hit pesou. Não sou expert mas penso que BB investiu na secundária pensando em ter uma resposta para o ataque do Broncos que nos bateu em 2013 e tinha investido em 2014. Sabendo da nova realidade o time já mudou o foco e investiu no fortalecimento do front seven, tanto na FA quanto no draft e para eles com um front seven poderoso eles conseguem enfrentar os times da AFC. Não vejo o Patriots indo atrás de algum CB top, o Talib foi uma aposta de baixo risco, pick baixo por um CB de potencial mas com problemas extra campo, deu resultado apesar das lesões em momentos importantes nas duas temporadas que esteve no Patriots. Vamos ver como será o desenvolvimento desses jovens CB’s.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O Patriotas é um fã clube oficial no Brasil e reconhecido pelo New England Patriots nos Estados Unidos.

Site desenvolvido pela equipe Patriotas.