Análise: Patriots x Bengals

No primeiro jogo de Tom Brady diante de sua torcida desde que foi liberado para atuar, o New England Patriots sofreu durante boa parte do jogo, mas conseguiu se impor no final e vencer o Cincinnati Bengals pelo placar de 35 x 17.

Análise: Patriots x Bengals

Depois da avassaladora vitória contra os Browns, esperava-se que o ataque dos Patriots demonstrasse a mesma potência neste domingo, jogando em casa, contra um time que tinha sofrido uma derrota amarga na semana anterior.

No entanto, a defesa de Cincinnati veio preparada. Com bastante pressão sobre Brady, os Bengals não permitiram que o quarterback dos Patriots ficasse muito à vontade no jogo.

Além disso, mesmo quando Brady era bem protegido, os wide receivers de New England não conseguiam separação de seus marcadores. Até faltarem 7 minutos para o fim do 3º quatro, os Patriots só haviam marcado 10 pontos.

A defesa dos Patriots também iniciou a partida de forma não tão sólida. Tendo problemas para marcar AJ Green e companhia, principalmente em marcações por zona, a impressão era de que os Bengals conseguiam converter as terceiras descidas sem grandes dificuldades.

Mesmo cedendo jardas, a defesa conseguia parar os Bengals em momentos decisivos. Na chance mais clara, o time de Cincinnati chegou na linha de 1 jarda de New England, mas a defesa Patriota levantou um verdadeiro muro e forçou o turnover on downs, não permitindo a conversão de uma 4ª para o gol da linha de 1 jarda.

Os Patriots chegaram ao 3º quatro com a defesa relativamente segura, tendo cedido apenas 14 pontos, mas com o ataque com sérias dificuldades para pontuar. Foi aí que Dont’a Hightower fez a jogada da partida, o momento que virou a maré do jogo e eletrizou o time dos Patriots.

Com os Bengals em uma 2ª para 18 na própria linha de 13 jardas, os Patriots a princípio mandaram 3 para o rush, para pouco depois Hightower disparar pelo meio da linha ofensiva e sacar Andy Dalton dentro de sua própria endzone. Safety para os Patriots.

A jogada mudou completamente os rumos do jogo. O placar diminuiu para 14 x 12 a favor dos Bengals, mas a bola voltou para os Patriots e o ataque conseguiu finalmente imprimir seu ritmo.

Brady mais uma vez fez um jogo excepcional, somando 376 jardas e 3 touchdowns. Sua sintonia com Gronk foi boa ao ponto de o tight end bater seu próprio recorde de jardas em uma partida, com 162.

Patriots x Bengals
Tom Brady e Rob Gronkowski destruíram a defesa dos Bengals.

No total, 6 recebedores dos Patriots tiveram mais de 30 jardas, mostrando que esse ataque tem muitos atletas capazes de contribuírem com o jogo aéreo.

A linha ofensiva não conseguiu repetir o nível das últimas partidas, cedendo 3 sacks e várias pressões. Nada que impedisse Brady e companhia de marcharem ofensivamente, principalmente no segundo tempo.

A defesa também se animou com o safety de Hightower e passou a dificultar cada vez mais o trabalho do ataque de Cincinnati. O camisa 54 dos Patriots terminou a partida como o destaque da unidade, com 13 tackles, 1,5 sack, 2 hits e o safety.

A secundária também foi bem, considerando a dificuldade que é marcar AJ Green. O wide receiver dos Bengals conseguiu 88 jardas em 6 recepções, a maioria delas em jogadas de marcação por zona da defesa dos Patriots.

A surpresa positiva foi a estreia do cornerback Eric Rowe, que mesmo fazendo seu primeiro jogo foi designado para marcar Green. Rowe fez um ótimo trabalho contra um dos melhores wide receivers da NFL.

Patriots x Bengals
A secundária fez um bom trabalho, principalmente considerando que não teve ajuda do pass rush.

O ponto negativo da defesa foi mais uma vez o pass rush. No início da temporada, esperávamos que Rob Ninkovich, Jabaal Sheard, Chris Long e companhia causassem estragos nos ataques adversários. Passadas 6 semanas, o que constatamos é que os quarterbacks adversários têm tido muito tempo no pocket, fazendo com que a secundária precise se virar por muito tempo contra os recebedores.

Por fim, special teams e um fato que tem sido recorrente este ano: Stephen Gostkowski não está bem. O kicker dos Patriots errou um extra point, fato impensável até o ano passado.

Não é apenas pelo erro neste chute específico, mas por uma temporada inconstante até aqui, errando chutes que eram automáticos até pouco tempo atrás.

Destaques

Tom Brady: 29/35, 376 jardas e 3 TDs.

Rob Gronkowski: 7 recepções para 162 jardas e 1 TD.

Dont’a Hightower: 13 tackles, 1,5 sack, 2 hits, 1 safety.

Malcolm Butler: 17 jardas cedidas, 4 passes desviados.

Patriots x Bengals
Dont’a Hightower foi o responsável por virar a maré da partida no 3º quarto.

First Downs: 25 (5 corridas / 17 passes / 3 faltas) | Terceira Descida: 4/10 (40%) | Total de Jardas de scrimmage: 437 (79 correndo / 358 passando) | Faltas: 6 (55 jardas) | Touchdowns: 4 (1 correndo / 3 passando / 0 retorno) | Field Goal: 2-2 (100%) | RedZone: 4/5 (80%) | Pontuação Final: 35 pontos | Tempo de Posse: 27:57 min.

Patriots x Bengals
A OL sofreu um pouco com o pass rush dos Bengals: foram 3 sacks cedidos.

A semana 7 traria o maior teste para a secundária dos Patriots no ano: o poderoso ataque do Pittsburgh Steelers. Digo traria porque Big Ben, com uma lesão no joelho, está praticamente descartado para a partida.

A ausência de um dos melhores quarterbacks da NFL não é garantia de vitória, afinal, os Steelers possuem ainda armas suficientes para anotar muitos pontos. No entanto, não há como negar que escapamos de enfrentar um dos melhores quarterbacks da NFL.

Não perca mais detalhes do jogo contra os Bengals e as primeiras impressões sobre o próximo confronto contra os Steelers no nosso Podcast Patriotas desta quarta-feira.

Compartilhe esta matéria:

Share on facebook
Share on twitter

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O Patriotas é um fã clube oficial no Brasil e reconhecido pelo New England Patriots nos Estados Unidos.

Site desenvolvido pela equipe Patriotas.