As 3 piores contratações dos Patriots para 2021 até agora

patriots

Na semana passada, comentamos sobre as três melhores contratações dos Patriots na free agency 2021 até agora. Portanto, hoje chegou a vez de falar das top 3 piores movimentações do time.

1º – TE Jonnu Smith

Jonnu Smith out; Rhamondre Stevenson in for Patriots for Week 10

22 recepções para 210 jardas e apenas 1 TD. Convenhamos, isso não é nada para um jogador que assinou um contrato de $12,5M anuais de média, tornando-se um dos TEs mais bem pagos da liga.

Logo, é nítido que Jonnu Smith está devendo bastante nesse seu início de trajetória com a camisa dos Pats, não sendo a arma que se esperava dele quando foi contratado.

Inclusive, Smith está jogando mais como TE bloqueador do que recebedor, algo que também não se previa, uma vez que ele foi o primeiro receiver contratado pelo time na free agency, e a peso de ouro.

Quem sabe nessa semana, contra os Titans, seu ex-time, ele não desencante.

2º – WR Nelson Agholor

Patriots: WR Kendrick Bourne throws TD to Nelson Agholor on trick play

Com uma média inferior a 3 recepções por partida e um touchdown a cada 3,6 jogos, é evidente que o custo-benefício de Nelson Agholor não está sendo nada bom, eis que ele é o WR mais bem pago dos Patriots, porém produz menos do que Jakobi Meyers e Kendrick Bourne.

Seu contrato de dois anos, podendo chegar a $24M, foi criticado desde o primeiro momento, e essas reclamações agora se confirmam com o veterano não conseguindo render tanto.

Na última semana, pelo menos, ele teve seu jogo mais participativo desde a primeira rodada, com 5 recepções para 40 jardas e 1 touchdown. O que resta agora é torcer para o “eu te avisei, Belichick” não se concretizar de vez.

3º – CB Jalen Mills

Patriots notebook: Defense facing challenges without Stephon Gilmore, and  maybe Jalen MIlls - Portland Press Herald

A chegada de Mills foi outra que não animou logo de cara a torcida dos Patriots, devido a seu desempenho na Philadelphia não justificar um contrato de 4 anos/$24M.

Porém, projetava-se que ele poderia ser um sólido coringa na secundária Patriota, atuando em todas as posições. Entretanto, com a lesão de Jonathan Jones e, especialmente, a saída de Stephon Gilmore, Mills viu sua responsabilidade aumentar, sendo claramente uma peça mais frágil comparada aos seus companheiros.

Assim, Jalen não transmite a confiança necessária para um CB #2, e esse pode ser um dos motivos para New England estar jogando majoritariamente em zona das últimas semanas para cá.


Acompanhe o Patriotas no twitter.

Compartilhe esta matéria:

Share on facebook
Share on twitter

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O Patriotas é um fã clube oficial no Brasil e reconhecido pelo New England Patriots nos Estados Unidos.

Site desenvolvido pela equipe Patriotas.