Brady enfrentará ótimo front-seven no Super Bowl 52

seven

No próximo domingo, dia 04 de fevereiro, os Patriots enfrentarão os Eagles em jogo válido pelo Super Bowl 52. Falaremos essa semana sobre esse confronto e um ponto interessante a ser discutido é sobre o potente front-seven de Philadelphia.

New England enfrentará um ótimo front-seven no Super Bowl 52

A linha ofensiva dos Patriots vai precisar proteger Brady como nunca antes até agora.

De acordo com o Pro Football Focus (PFF), o pass rush dos Eagles foi o único grupo da NFL a terminar a temporada com 41 pressões a mais nos QBs adversários do que qualquer outro time.

O PFF ainda classificou a equipe de Philadelphia como a única da liga a criar situação de pressão em, no mínimo, 40% das jogadas. Isso é muita coisa.

Os Eagles ainda possuem 7 jogadores com mais de 20 pressões no ano: Brandon Graham (60), Chris Long (51), Fletcher Cox (50), Vinny Curry (47), Derek Barnett (37), Timmy Jernigan (23) e Beau Allen (21).

Para efeito de comparação, os Patriots possuem apenas 4 jogadores com +20 pressões: Trey Flowers (55), Deatrich Wise (36), Adam Butler (24) e Lawrence Guy (21).

Na final da NFC, os Eagles pressionaram Case Keenum em 24 dos 50 snaps, 48% das jogadas ofensivas. Nas duas derrotas que temos nos Super Bowls com Brady, nosso QB foi pressionado em 46,8% do tempo em 2007, e 43,4% em 2011.

Philadelphia lidera a NFL em porcentagem de pressão (41%), pressões totais (271) e hits em QB (112) nessa temporada. Seu front-seven sabe pressionar e chegar no QB adversário e precisamos ficar muito atentos em relação a isso.

seven
Brady se preocupando com a pressão. Cena que não queremos ver no domingo.

Belichick falou sobre isso

Durante essa semana, Belichick foi perguntado sobre a pressão que a defesa dos Eagles exercem.

“Queria eu que fossem apenas 4  [jogadores que atacam o QB]. São oito ou nove. São bem perturbadores. Difícil de correr contra, de lançar contra… Acho que Cox é tão bom quanto qualquer jogador em sua posição.”

Nosso histórico contra pressão

Nessa temporada, Brady tem ótimos números contra a pressão. Foram 10 TDs e 2 INTs, com uma média de 8,7 jardas por tentativa e 58,9% dos passes completos. Rating de 111,3, de acordo com a ESPN.

Mesmo que Brady esteja se comportando bem contra pressões esse ano, o cenário ideal é protegê-lo e deixá-lo jogar seu jogo. Nossa linha ofensiva precisa entrar no jogo desde cedo para não termos que ir para o terceiro Super Bowl seguido buscando uma virada no último quarto.


Nos acompanhe no facebook e no twitter. Ouça nosso podcast e vem com a gente!

Compartilhe esta matéria:

Share on facebook
Share on twitter

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O Patriotas é um fã clube oficial no Brasil e reconhecido pelo New England Patriots nos Estados Unidos.

Site desenvolvido pela equipe Patriotas.