Como o New England Patriots deve seguir em frente sem Tom Brady?

Na manhã de ontem, chegou ao fim o relacionamento de 20 anos entre o New England Patriots e Tom Brady, e agora? O time tem muito que se ajustar em 2020. Vejamos a seguir.

Como seguir em frente sem Tom Brady?

A maioria de nós, torcedores dos Patrios no Brasil, não conhecemos o time sem Tom Brady estar fazendo parte dele. Contudo, essa é a realidade da franquia agora e, levando em conta todos os problemas que o time trouxe da temporada passada, 2020 vem com o plus da partida do maior quarterback de todos os tempos.

Como fica a situação da posição de quarterback?

A maior incógnita que o New England Patriots vive no momento. Atualmente, o time tem 2 QBs no elenco: Jarrett Stidham e Cody Kessler.

Alguns apostam que o curso vai seguir naturalmente na Nova Inglaterra e Jarrett Stidham será o titular para a próxima temporada, ainda mais pelo fato do garoto ser bem elogiado nos bastidores e bem quisto por seus colegas. Porém, tem uma vertente que acredita que Stidham na titularidade pode significar uma campanha ruim para conquistar uma posição melhor no Draft 2021 e escolher o seu novo franchise QB.

Se você acredita que um time com Edelman, Slater, McCourty Twins, Hightower, Gilmore, Andrews e cia. e comandado por Bill Belichick, vá se submeter a uma temporada ruim, vire o seu disco!

Outra opção, seria usar algum jogador como moeda de troca e já tentar uma troca por uma boa escolha de primeira rodada e trazer um QB. Alguns acreditam que os Patriots podem ter colocado a franchise tag em Joe Thuney para utilizá-lo como moeda de troca. Well…

Porém, a terceira opção e talvez a mais viável, seja trazer um quarterback da free agency ou via troca. Essa semana tem sido muito intensa nas transações, mas temos disponíveis Andy Dalton, Cam Newton, Derek Carr, Jameis Winston, Nick Foles e, talvez, Jacoby Brissett. Os Patriots não se movimentam de maneira rápida e afoita, então a paciência será nossa aliada aqui.

Mexer no salary cap para trazer reforços

Ao passo que Tom Brady foi embora, o QB deixou uma “herança” de 13,5 milhões de dólares no cap hit dos Patriots. Além do dead money de Antonio Brown (4,750 milhões) e Michal Bennett (2 milhões).

Atualmente, o cap dos Patriots é de US$ 3.252.584 milhões de dólares (via @patscap). E além da situação de QB, o time precisa de WR e TE no ataque, e agora LBs e talvez também reforçar a DL.

A priori, parece muito preocupante, mas devemos lembrar que o time ainda não fez os cortes e também as costumeiras extensões contratuais com jogadores que ocupam mais espaço no cap, como Stephon Gilmore, Dont’a Hightower, além de ter a situação de Joe Thuney em aberto apesar da tag.

Patriots devem manter o vestiário forte e unido

Com toda a certeza, manter Matthew Slater e Devin McCourty foram escolhas acertadas dos Pats. Capitães e líderes de vestiário, a permanência de ambos se faz fundamental para que o time se mantenha blindado na questão do vestiário.

Ao longo da terça-feira, vimos a quantidade de mensagens carinhosas de despedida que Tom Brady recebeu de seus teammates. Brady era a personificação da Patriot Way e um modelo a ser seguido por todos ali. Uma partida assim pode pesar bastante, mas pessoas certas continuam ali para propagar o estilo Patriots de ser.

A vida vai continuar sem Tom Brady. Curaremos as feridas juntos e confiando na comissão técnica dos Patriots.

Sigam o Patriotas em suas redes sociais para notícias em tempo real: Twitter, Instagram e Facebook.

Compartilhe esta matéria:

Share on facebook
Share on twitter

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O Patriotas é um fã clube oficial no Brasil e reconhecido pelo New England Patriots nos Estados Unidos.

Site desenvolvido pela equipe Patriotas.