Custo-benefício fala mais alto, e o WR Mohamed Sanu é dispensado

mohamed sanu

Na noite desta quarta-feira, os Patriots surpreenderam seus torcedores e dispensaram o veterano WR Mohamed Sanu, menos de um ano após ter enviado uma escolha de segunda rodada aos Falcons para adquirir o recebedor.

Contactado pela jornalista Josina Anderson, da ESPN, Sanu deu seu parecer sobre sua demissão:

Como o próprio jogador inferiu, a questão financeira certamente foi um dos fatores que levaram a sua dispensa, já que os Patriots liberaram $5,75M do salary cap.

Porém, não foi só isso. Desde sua chegada em New England, Sanu nunca foi um custo-benefício vantajoso. Embora a extrema necessidade dos Patriots em reforçar o grupo de recebedores em 2019, enviar uma escolha de segunda rodada por Mohamed não deixou de ser um preço bastante caro.

Em campo, o veterano também não conseguiu produzir, sofrendo com uma lesão no tornozelo que o limitou substancialmente, tendo até que passar por uma cirurgia na offseason.

Entretanto, apesar de aparentemente 100% saudável, o wide receiver não conseguiu se destacar no training camp, e viu jogadores menos badalados, como Gunner Olszewski e Devin Ross, terem um desempenho bem melhor comparado ao dele, que mostrou dificuldade para criar separação dos marcadores.

Desta forma, despencando no depth chart, o desfavorável custo-benefício de Mohamed Sanu finalmente falou mais alto, e ele terá que procurar outro time.


Acompanhe o Patriota no twitter!

Compartilhe esta matéria:

Share on facebook
Share on twitter

Este post tem um comentário

  1. era melhor ir p tank logo

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O Patriotas é um fã clube oficial no Brasil e reconhecido pelo New England Patriots nos Estados Unidos.

Site desenvolvido pela equipe Patriotas.