Dolphins contratam mais 3 técnicos dos Pats

dolphins

Além de acertar com Brian Flores, ex-coordenador defensivo dos Patriots, para o posto de head coach, o Miami Dolphins assinou também com mais três nomes que fizeram parte da comissão técnica campeã do Super Bowl LIII.

Dolphins contratam mais 3 técnicos dos Pats

Uma das maiores dificuldades, se não a maior, para uma equipe que conquista o Vince Lombardi é sofrer o mínimo de perdas na offseason. E, logo na primeira semana, os Patriots já perceberam que em 2019 essa máxima continuará vigente.

Já na segunda-feira (4), o Miami Dolphins anunciou Brian Flores como o 13º head coach da história da franquia. Como de costume para um técnico que assume um time, Flores fez questão de trazer seus companheiros de Patriots, e conseguiu levar três da comissão de Bill Belichick para a Flórida.

Primeiro foi o agora ex-técnico dos WR, Chad O’Shea, que foi promovido a coordenador ofensivo de Miami. O’Shea estava em New England desde 2009, e era constantemente cotado para assumir o ataque da equipe caso Josh McDaniels saísse.

Em seguida, o técnico dos CB, Josh Boyer, foi anunciado como coordenador da defesa contra o jogo aéreo e técnico dos cornerbacks. Ele estava desde 2006 em Foxborough.

Por fim, Jerry Schuplinski, assistente técnico dos quarterbacks, assinou com os Dolphins para comandar a mesma função. Jerry estava desde 2013 nos Pats.

Os possíveis substitutos

Com essas diversas transações, a comissão técnica dos Patriots receberá caras novas para a temporada 2019, afinal, atualmente apenas os postos de técnico dos S e dos DL estão preenchidos na defesa.

Para a função de técnico dos LB, que também era exercida por Brian Flores, o seu ex-assistente DeMarcus Covington é o favorito para o cargo. Na vaga deixada por Boyer, Mike Pellegrino, assistente defensivo em 2018, é um possível substituto. Há chance também que o filho de Belichick, Brian, seja promovido para algum cargo defensivo.

No ataque, Atif Austin, que foi técnico dos WR por quatro temporadas antes de chegar aos Patriots ano passado, pode assumir a lacuna deixada por O’Shea. Já para a vaga de Schuplinski, nomes de fora ou de um “escalão mais baixo” da comissão técnica podem aparecer. Por fim, Cole Popovich, que não tem nenhum parentesco com o técnico dos Spurs, tem boas chances de ser promovido para assistente da linha ofensiva.

Vale relembrar que o posto de coordenador defensivo será assumido pelo ex-técnico da Universidade de Rutgers e do Tampa Bay Buccaneers, Greg Schiano, que deixou a Universidade de Ohio State ao fim da última temporada. Ele será o primeiro coordenador que chega “de fora da casa” desde Romeo Crennel em 2001.

Compartilhe esta matéria:

Share on facebook
Share on twitter

Este post tem 2 comentários

  1. Bellichick deve confiar muito no Greg Schiano…pra trazer alguém quem nao e da “casa”, quanto aos outros cargos…São de assistentes q ja estavam no time…acho q nao vão ter problemas…Parabens pelo Podcast glr, ficou legal

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O Patriotas é um fã clube oficial no Brasil e reconhecido pelo New England Patriots nos Estados Unidos.

Site desenvolvido pela equipe Patriotas.