Draft 2017 dos Patriots corre risco de ser “extinto” esse ano

draft 2017 dos Patriots

O Draft de 2017 do New England Patriots foi certamente o menos empolgante do time na década passada, e se muita gente já não lembrava dos nomes que foram selecionados, a classe agora corre sérios riscos de ser definitivamente apagada da memória do torcedor Patriota.

A offseason de 2017 contou com uma abordagem diferente de Bill Belichick, que preferiu trocar suas escolhas altas (1ª e 2ª rodada) por veteranos, como o WR Brandin Cooks e o DL Kony Ealy. Assim, os Patriots chegaram ao Draft sem escolhas no top 70.

Para completar, New England efetuou diversas outras trocas nos dias do recrutamento, chegando ao ponto de todas as escolhas originais do time terem sido negociadas. Com isso, os Pats finalizaram o Draft 2017 com apenas quatro jogadores selecionados:

Os dois jogadores de linha ofensiva foram dispensados antes mesmo de estrearem com a camisa de New England. Enquanto Garcia infelizmente foi diagnosticado com coágulos sanguíneos no pulmão, fazendo com que o jogador perdesse toda a temporada de calouro e emagrecesse cerca de 18kg e culminando no seu corte, McDermott não agradou o esperado e foi cortado ao fim da pré-temporada.

Sem eles, Rivers e Wise viraram a esperança para “salvar” a classe de 2017. Entretanto, muito por conta das lesões, Derek nunca conseguiu mostrar o football que o fez ser draftado, disputando apenas seis partidas em três temporadas.

Com isso, Wise ficou com o posto de salvador da pátria, e o camisa 91 correspondeu muito bem na sua temporada de calouro, a melhor da sua carreira, anotando 5 sacks e 19 hits. Todavia, Deatrich caiu de produção nos anos seguintes, chegando até a ficar inativo das partidas por opção técnica. Sua dificuldade em conseguir fechar o edge e defender as corridas certamente pesaram contra, já que ele era visivelmente explorado pelos ataques adversários.

Agora, com New England tendo selecionado Josh Uche e Anfernee Jennings, dois atletas que podem atuar como edge rush, além de ter contratado o veterano Brandon Copeland, o futuro de Derek Rivers e Deatrich Wise, que entram no último ano do contrato de calouro, é uma incógnita e eles não possuem mais vaga garantida no elenco.

Caso eles não consigam se destacar no training camp e venham a ser dispensados, New England ficará sem ter mais nenhum jogador draftado em 2017 no seu elenco atual. A única lembrança deste ano será o DL Adam Butler, que assinou com o time como free agent não draftado. Uma hipotética saída de Wise e Rivers também deixaria o Draft 2017 dos Patriots como o único sem remanescente no roster desde o de 2014.

Compartilhe esta matéria:

Share on facebook
Share on twitter

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O Patriotas é um fã clube oficial no Brasil e reconhecido pelo New England Patriots nos Estados Unidos.

Site desenvolvido pela equipe Patriotas.