Georgia vira a nova Rutgers de Bill Belichick

georgia

Durante o início da década, a Universidade de Rutgers, situada em New Jersey, era notoriamente conhecida pelos torcedores dos Patriots como a “queridinha de Bill Belichick”. No entanto, nos últimos anos, estamos vendo emergir uma nova favorita para o coach, localizada no sul dos Estados Unidos, a Universidade de Georgia.

Georgia vira a nova Rutgers de Bill Belichick

A relação de Bill com Rutgers

O “amor” de Bill Belichick por Rutgers começou em 2010, quando selecionou na primeira rodada o S Devin McCourty. O ápice dessa relação foi em 2013, quando o General Manager escolheu três jogadores da Universidade: o CB Logan Ryan, S Duron Harmon e LB Steve Beauharnais.

Porém, desde então, a fonte “secou”, com mais nenhum prospecto sendo draftado. Todavia a presença de Rutgers continua marcante nos Patriots, já que McCourty e Harmon são capitães da equipe. Além deles, o WR Kenny Britt e CB Jason McCourty, que estavam nos Rams e Browns, também foram de Rutgers.

Resultado de imagem para greg schiano and bill belichick
Belichick é muito amigo de Greg Schiano, que treinou Rutgers por 10 anos.

A consolidação de Georgia

Bill Belichick já tinha antepassados com Georgia muito antes de 2018.

Em 2001, ele utilizou sua escolha mais alta que até então já teve com os Pats, a sexta geral, para selecionar o DL Richard Seymour, um dos ídolos da franquia e tricampeão do Super Bowl.

Três anos depois, mais uma escolha de primeira rodada num produto de Georgia: o TE Ben Watson, que marcou época no time até 2009 e hoje joga nos Saints.

Após um período de onze anos com apenas um draftado, o DT Kade Weston na sétima rodada, Belichick voltou de vez os olhos para a Universidade em 2016, quando selecionou o WR Malcolm Mitchell. O recebedor teve uma surpreendente temporada de calouro e ajudou os Patriots na conquista do Super Bowl LI.

Um dos motivos dessa nova aposta de Bill em Georgia pode ter sido a meteórica ascensão do C David Andrews, que chegou como UDFA em 2015, assumiu a titularidade após lesão de Bryan Stork e não largou mais, virando capitão da franquia.

Na semana passada, o clímax da relação Belichick-Georgia aconteceu. O heptacampeão usou suas duas escolhas de primeira rodada em jogadores da Universidade. O OL Isaiah Wynn chegou na pick #23, enquanto o RB Sony Michel foi draftado na #31.

Além deles dois, Bill também foi buscar o DT John Atkins como free agent não draftado. Sendo assim, agora há cinco atletas de Georgia em New England, sendo quatro ofensivos.

Resultado de imagem para sony michel and isaiah wynn patriots
Além de companheiros de time, Michel e Wynn também dividiam o quarto em Georgia.

Outras Universidades que marcam presença nos Pats

Além de Georgia e Rutgers, Iowa é mais uma Universidade que marca bastante presença em Foxboro, com cinco jogadores: DE Adrian Clayborn, OLs Cole Croston, James Ferentz e Matt Tobin e WR Riley McCarron. A curiosidade é que nenhum deles foi draftado pelos Patriots, e possivelmente apenas Clayborn fará parte do elenco final.

Outras Universidades que podemos destacar é a de Arkansas, da qual vieram os DEs Trey Flowers e Deatrich Wise e o WR Cody Hollister, Florida (DB Duke Dawson, OT Trent Brown e RB Mike Gillislee) e Vanderbilt (DL Adam Butler, WR Jordan Matthews e OL Andrew Jelks).

Resultado de imagem para deatrich wise trey flowers arkansas
Flowers e Wise em ação por Arkansas.

Compartilhe esta matéria:

Share on facebook
Share on twitter

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O Patriotas é um fã clube oficial no Brasil e reconhecido pelo New England Patriots nos Estados Unidos.

Site desenvolvido pela equipe Patriotas.