Jogadores não draftados contratados: DTs e EDGEs

Entra ano e sai ano e uma coisa não muda, de fato. Sempre um dos jogadores não draftados acaba entrando no roster final de New England.

Jogadores não draftados contratados; DTs e EDGEs

Por isso vamos falar dos nomes contratados por Belichick. Posições que ainda carecem de reforços, sem dúvidas, DTs e EDGEs serão os focados aqui.

Bola Futebol Americano New England Patriots NFL

Bill Murray, Defensive Tackle – William & Mary

W&M Football: 2019 Report Card – The William and Mary Sports Blog
Murray foi destaque também em bloqueio de chutes.

O DT de William & Mary apresenta duas coisas que Belichick gosta em seus atletas: capitão de time e destaque como especialista.

Além disso, o jovem apresenta diversas seleções entre os melhores jogadores de sua divisão, como duas seleções para o time da All-Colonial Athletic Association.

Murray, ao longo de 4 anos, anotou 143 tackles (32 for loss), 19 sacks, 4 fumbles forçados e 4 fumbles recuperados.

Outra estatística deve fazer os olhos do Belichick brilharem, decerto. O defensor bloqueou 10 chutes durante sua estadia em William & Mary.

Se demonstrar todo esse talento como especialista, talvez tenha uma chance de fazer o roster como um não draftado.

Courtney Wallace Jr, Defensive Tackle – Louisiana Tech

Courtney Wallace Jr (@tale_nted_) | Twitter
Wallace Jr. não teve grande produção universitária.

Mais um nome para tentar se destacar entre os não draftados é de Wallace Jr, que atuou por Louisiana Tech.

O defensive tackle teve uma lesão que o afastou dos gramados em 2016 e, em 4 anos, atuou por 48 vezes.

O defensor, de fato, apresenta currículo modesto. São 54 tackles (11,5 for loss), 3,5 sacks, 1 passe defendido, 1 fumble forçado e 1 fumble recuperado.

Se não demonstrar muito além do que foi feito até hoje, a tendência é que Wallace Jr. tenha vida curta na NFL.

Nick Coe, EDGE – Auburn

Auburn DL Nick Coe expected to sign with New England Patriots - al.com
Coe é considerado cru, mas pode evoluir.

Coe atuou na tradicional Auburn, mas é tido como um jogador que precisa ser mais desenvolvido, de fato.

Acima de tudo possui mãos pesadas, que possibilitam com que ele se desvencilhe dos bloqueadores.

Ideal para jogar no 3-4, de acordo com os scouters, Coe é mais efetivo trabalhando mais próximo aos guards do que no EDGE.

É visto, decerto, como um defensor de two gap no seu melhor, onde pode usar colisões para prevalecer.

O defensor teve, em suma, 71 tackles (21 for loss), 9 sacks, 1 passe defendido e 2 fumbles forçados em sua carreira universitária.

Por analogia, deve demonstrar aos treinadores que possui teto para crescimento nos treinamentos.

Trevon Hill, EDGE – Miami

NFL Draft 2020: How Miami's Trevon Hill can help Raiders' pass ...
Hill é o jogador mais talentoso de linha defensiva entre os não draftados.

De fato o mais talentoso entre os jogadores de linha defensiva não draftados escolhidos pelos Pats, Hill teve um momento conturbado na carreira.

Dispensado de Virginia Tech em 2018, após uma derrota para Old Dominion, o atleta teve seu comprometimento questionado na época.

O treinador da equipe, Justin Fuente, justificou a dispensa com a não manutenção dos “altos padrões que temos para nossos estudantes-atletas”.

Com isso Hill acabou em Miami, onde teve uma boa temporada 2019, decerto, com 4,5 sacks.

Astuto, o jovem certamente conta com o atleticismo necessário para a NFL, embora precise ganhar músculos.

Com boas mãos e bom first step, pode ganhar algumas disputas cedo por conta de sua aceleração.

Necessita evoluir contra a corrida e, por certo, ganhar mais força para ancorar com mais efetividade.

Computou 121 tackles (29,5 for loss), 16 sacks, 1 interceptação, 2 passes defendidos, 1 fumble forçado e 2 recuperados na carreira.

Jogador talentoso que pode brigar por uma vaga, caso transforme seu potencial em produção.

Compartilhe esta matéria:

Share on facebook
Share on twitter

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O Patriotas é um fã clube oficial no Brasil e reconhecido pelo New England Patriots nos Estados Unidos.

Site desenvolvido pela equipe Patriotas.