Sete jogadores que tiveram uma segunda chance nos Patriots

Chris Hogan Ataque Aéreo New England Patriots

Na segunda-feira (18/09), Bill Belichick ao contratar Josh Gordon mostrou uma manobra conhecida do time: Os Patriots vão se arriscar com jogadores talentosos, não importando seu passado. No caso de Gordon, ele lembra que os Patriotas acreditam no “The Patriot Way” e não se importam com o que pode ter acontecido no passado.

Já vimos isso diversas vezes na dinastia patriota. Quem chega ao time sabe que tem que fazer seu trabalho (Do your Job) e muitos tem seus melhores anos da sua carreira, principalmente porque tudo o que eles precisavam era um pouco de estrutura. Se o jogador for bom o suficiente, Belichick irá criar um lugar para ele. E se ele fizer o seu trabalho, poderá ter uma nova chance em sua carreira, ou pelo menos alcançar algum nível de sucesso com a equipe.

Vamos listar sete jogadores desacreditados de outras equipes que os Patriots contrataram e reergueram sua carreira.

Sete vezes que os Patriots transformaram catástrofes em tesouros.

moss patriots
Randy Moss

Randy Moss nunca teve seu talento questionado. Um dos maiores recebedores da história da NFL, Moss passou os primeiros sete anos de sua carreira com os Vikings, sendo All-Pro em três deles. Ele foi trocado para os Raiders em 2005. Embora Moss tenha quebrado a marca de 1.000 jardas em sua primeira temporada com os Raiders, ele teve uma porcentagem de recepção de 48,8%. A próxima temporada, a porcentagem despencou para 43,8 %, onde teve apenas 553 jardas. Tudo isso veio com uma visível falta de esforço, e ele foi negociado para os Patriots por uma escolha de quarta rodada do draft de 2007.

Em sua primeira temporada com os Patriots, os números de Moss dispararam. Ele teve 95 recepções para 1.493 jardas e 23 touchdowns e foi nomeado All-Pro em 2007. Depois daquele ano (quase) perfeito, Moss passou mais duas temporadas com os Patriots, quebrando 1.000 jardas nas duas vezes. Em 2010, no entanto, a fase de lua de mel terminou. Moss estava infeliz por não ter recebido uma extensão depois de assinar um acordo de três anos duas temporadas antes, e foi negociado com os Vikings.

Corey Dillon patriots
Corey Dillon

Os Patriots fizeram o impensável e trocaram por um running back que já havia completado 30 anos. Antes da temporada de 2004, os Pats trocaram uma escolha de segunda rodada com os Bengals por Dillon. Ele já tinha tido 8.061 jardas corridas na carreira, mas para a maioria das pessoas, isso apenas aumentava seu desgaste, especialmente depois de correr para apenas 541 jardas em 2003. Com os Patriots, Dillon correu para 1.635 jardas em sua primeira temporada, com média de 4,7 jardas por carregada – melhor média desde seu ano de novato. Os Patriots venceram o Super Bowl 39.

Dillon sofreu lesões em 2005, e em 2006 ele dividiu as carregadas com Laurence Maroney. O time dispensou Dillon em 2007. Ele é um dos melhores RB que Belichick já usou.

Junior Seau patriots
Junior Seau

Seau iria se aposentar antes de se juntar aos Patriots. Ele esteve com os Chargers por 13 anos, onde ele construiu uma carreira de Hall of Fame. Ele passou três temporadas com os Dolphins, perdendo metade de sua segunda temporada com a equipe e começando apenas cinco jogos em seu terceiro ano. Seau era outra parte da equipe de 2007, e uma parte importante dela. Apesar de ter começado apenas quatro jogos, ele jogou em todos os 16 e terminou o ano com três interceptações.

Seau jogou mais duas temporadas com os Patriots, mas ele esteve ativo por apenas sete jogos durante a temporada de 2009. Ele aposentou-se no final desta mesma temporada.

Wes Welker patriots
Wes Welker

Welker foi outra nova adição à equipe de 2007, e ele teve a vantagem adicional de vir de um time de dentro da divisão. Welker recebeu 96 passes para 1.121 jardas em duas temporadas com o Miami Dolphins, que então o trocou com os Patriots por escolhas de segunda e sétima rodada. Em sua primeira temporada com o New England, Welker recebeu 112 passes para 1.175 jardas e oito touchdowns.

Welker desenvolveu uma reputação como a personificação de “The Patriot Way”. Ele era um bom corredor de rota, preciso com mãos, que o tornaram um dos pilares do ataque. Ele teve mais de 100 recepções cinco vezes com os Patriots, foi a quatro Pro Bowls consecutivos entre 2008 e 2011, e foi nomeado All-Pro em 2009 e 2011. Welker quebrou o recorde de recepções da franquia, que era de Troy Brown, recebendoo 672 passes em apenas 93 jogos. Ele detém o recorde de franquia de jogos consecutivos com uma recepção, fazendo pelo menos um em cada jogo que ele jogou no time. Eventualmente, ele e os Patriots se separaram quando os dois lados não conseguiram chegar a um acordo. Ele se juntou aos Broncos em 2013 e acabou se aposentando como membro do Rams em 2015.

Aqib Talib patriots
Aqib Talib

Depois de passar quatro temporadas com os Buccaneers, Talib foi negociado para os Patriots em meados de 2012 depois de falhar em um teste de drogas por ter tomado Adderall que o deixaria suspenso por quatro jogos. Talib já tinha alguma bagagem antes do teste de drogas – uma briga com outro novato Bucs no Training Camp de 2008, uma suspensão por supostamente bater um motorista de táxi na Flórida em 2010 e várias faltas pessoais em campo. Mas os Patriots negociaram uma escolha na quarta rodada por o Talib e uma escolha de sétima rodada.

Com os Pats, Talib teve uma pick-six em sua estreia após seu retorno da suspensão, e os Patriots chegaram ao AFC Championship Game em 2012, com Talib jogando ao lado de Kyle Arrington. Os Patriots viram o suficiente de Talib para contratá-lo por mais um ano por US $4,86 ​​milhões. Em sua próxima temporada, Talib teve quatro interceptações e 13 passes defendidos em 13 partidas. Ele foi nomeado segundo-time All-Pro, e sua ausência no AFC Championship Game foi sentida contra os Broncos. Após a sua lesão os Broncos ganharam 400 jardas pelo ar, o máximo que os Patriots permitiram durante toda a temporada. Talib saiu após a temporada de 2013 para se juntar ao Broncos quando ele e o time não conseguiram chegar a um acordo.

LeGarrette Blount patriots
LeGarrette Blount

Não é por acaso que algumas das melhores temporadas de Blount foram nos Patriots. Ele é o jogador perfeito para Belichick. Um jogador que se encaixa em um papel extremamente específico, Blount se juntou aos Patriots através de uma troca depois de receber apenas 41 carregadas com os Buccaneers em 2012, ano que Doug Martin explodiu. Blount tinha alguma bagagem adicional, ele não foi draftado após socar um jogador quando estava na faculdade no Oregon.
O trabalho de Blount com os Patriots, em geral, equivalia a correr em linha reta, correr muito. Em uma liga que está cada vez mais exigente de seus running backs no jogo de passes, Blount foi alvo de passe vindo do backfield apenas cinco vezes em 2013, quatro vezes em 2014, sete vezes em 2015 e oito vezes em 2016.
Dos 18 touchdowns do Blount em 2016, 13 deles vieram dentro de cinco jardas. Ele quase não jogou no Super Bowl contra os Falcons, já que os Patriots estavam passando quase todo o jogo.

Chris Hogan patriots
Chris Hogan

Hogan é outro recebedor que veio de dentro da AFC East. Quando Hogan era um agente livre restrito com os Bills, os Patriots o contrataram com uma oferta de três anos no valor de US $ 12 milhões. Os Bills não cobriram a oferta, já que lá ele recebia o salário mínimo.

Hogan surgiu como uma ameaça eminente no ataque Patriota, e ele é frequentemente usado verticalmente. Em sua primeira temporada com os Patriots em 2016, Hogan fez uma média de 17,9 jardas por recepção. Ele pegou 38 passes para 680 jardas, e ele foi excelente nos playoffs. No AFC Championship Game contra o Steelers em particular, Hogan pegou nove passes para 180 jardas e dois touchdowns. Em 2017, sua temporada foi encurtada por uma lesão no ombro. Embora isso tenha impactado suas estatísticas, Hogan voltou a tempo para os playoffs, e ele foi importante na derrota do Super Bowl dos Patriots para os Eagles, pegando seis passes para 128 jardas e um touchdown. Desde que ele chegou tem sido uma arma fundamental para Brady.

E aí? voce acha que Gordon vai ter uma temporada estrelar ou vai ser cortado como vários outros recebedores esse ano? Deixe a sua opinião nos comentários.


O Patriotas está diariamente trazendo todas as atualizações do time em tempo real no Twitter.

Compartilhe esta matéria:

Share on facebook
Share on twitter

Este post tem 2 comentários

  1. Boa tarde pessoal…esta tendo uma enquete para definir o jogo que será transmitido pela ESPN no dia 30/09(domingo),os Pats estão na briga,cada pode votar em jogo 1 vez ao dia.
    Vamos votar para assistir mais um jogo dos Patriotas.
    Faz uma campanha ai Vinivius Molleta..rs

    1. Olá Diego, já começamos a campanha no twitter. Vamos divulgar a enquete o máximo possível. Valeu pela lembrança

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O Patriotas é um fã clube oficial no Brasil e reconhecido pelo New England Patriots nos Estados Unidos.

Site desenvolvido pela equipe Patriotas.