Lesão pode estar por trás da queda de Brady

Brady

Tom Brady possivelmente será eleito o MVP da temporada 2017. Ainda que haja concorrentes de respeito, o prêmio deve mesmo ficar com o quarterback dos Patriots.

O desempenho de Brady este ano foi fenomenal. Aos 40 anos, Tom liderou a NFL em jardas.

O desempenho poderia ter sido ainda melhor não fosse a queda de rendimento nas últimas semanas.

Mas a que seria devida essa queda? Uma causa possível é a lesão no tendão de Aquiles.

Lesão pode estar por trás da queda de Brady

Tom Brady liderou com folga as estatísticas de jardas passadas por praticamente toda a temporada.

No últimos jogos a vantagem caiu, e na última semana jogadores como Drew Brees e Phillip Rivers tiveram chances de ultrapassar o quarterback dos Patriots.

Considerando as últimas 6 semanas da temporada regular, nada menos que 8 quarterbacks diferentes lançaram mais jardas que Brady: Phillip Rivers, Matthew Stafford, Big Ben, Blake Bortles, Jameis Winston, Jimmy Garoppolo, Drew Brees e Matt Ryan

Essas 6 semanas em que Brady foi superado pelos quarterbacks listados correspondem exatamente ao período em que o quarterback dos Patriots entrou no injury report com uma lesão no tendão de Aquiles. Coincidência?

Outros dados ilustram a queda de rendimento.

Nos primeiros 10 joros, Brady teve 6 partidas em que lançou para pelo menos 300 jardas. Após a lesão no tendão de Aquiles, Tom não lançou para 300 jardas em nenhum jogo (dados levantados por Mark Daniels – @MarkDanielsPJ).

A posição de quarterback é uma das que mais tem seu desempenho afetado por lesões no tendão de Aquiles.

Os QBs lançam com os braços, é óbvio. Mas toda a dinâmica de lançamento exite que o atleta consiga plantar os pés e girá-los no movimento do corpo.

Sem consequir executar o movimento de lançamento por completo, o quarterback perde força e precisão nos passes.

Também não podemos deixar de considerar como possíveis causas da queda de desempenho de Brady a perda armas ofensivas importantes. Jogadores como Chris Hogan, Rob Gronkowski e Rex Burkhead ficara de fora de algumas partidas.

No entanto, a queda de rendimento começar exatamente no momento da lesão no tendão de Aquiles parece mais que coincidência.

Com a melhora da defesa e a ascenção do jogo terrestre, os Patriots não precisaram depender tanto do seu jogo aéreo pare vencer as últimas partidas. No entanto, estamos diante dos playoffs, e precisamos de Brady e do ataque em suas melhores condições.

Assim, só nos resta torcer para que o quarterback se cure da referida lesão e possa chegar à pós-temporada no melhor de sua forma. Quando Brady está bem, a chance de vitória aumenta consideravelmente.

Compartilhe esta matéria:

Share on facebook
Share on twitter

Este post tem um comentário

  1. Com certeza, ele não pode admitir mas o rendimento cair depois da lesão não é coincidêncIa. .

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O Patriotas é um fã clube oficial no Brasil e reconhecido pelo New England Patriots nos Estados Unidos.

Site desenvolvido pela equipe Patriotas.