Mac Jones fez seu melhor jogo contra o adversário mais duro

Mac Jones

No jogo mais esperado do ano, os Patriots perderam para os Bucs em casa, mas uma das boas notícias que podem sair dessa derrota é a atuação do quarterback Mac Jones.

Vejamos como ele se saiu contra os Buccaneers.

Os números

Mac Jones foi o melhor quarterback em campo em um duelo contra o time com ninguém menos que Tom Brady under center.

Essa afirmação é de grande importância, ainda mais se considerarmos que o calouro fez apenas seu quarto jogo como profissional, em uma partida castigada por ventos e fortes chuvas.

Mac acertou 31 de 40 passes tentados (77.5%), para 275 jardas, 2 touchdowns e 1 interceptação, números que lhe rendem um rating de 101,5.

Percebemos que contra os Bucs a distância média para os alvos de Jones foi curta, apenas 5,2 jardas em média por tentativa.

Trata-se de um número baixo, mas compreensível se observarmos que Mac Jones enfrentou um ótimo pass rush que frequentemente conseguia free runners sobre o quarterback.

Jones foi pressionado em 37,5% dos dropbacks mesmo se livrando da bola em apenas 2,3 segundos em média. A linha ofensiva dos Patriots realmente precisa elevar seu nível.

Além da pressão, Mac literalmente não pôde contar com o jogo terrestre para balancear o ataque. Os Patriots terminaram a partida com -1 jarda terrestre de saldo!

Mac Jones no controle do ataque

Outro fator que impressionou a todos, inclusive seus companheiros, foi o controle de Mac Jones sobre o ataque.

Em um jogo cercado de expectativa e pressão, nacionalmente televisionado, Jones não sentiu a pressão e se comportou como um quarterback veterano.

O calouro comandou com autoridade o ataque dos Patriots em várias situações de no-huddle, o que rendeu elogios de seus companheiros.

Além disso, Mac segue demonstrando boa progressão de leituras e frieza diante da pressão, traços raros em quarterbacks calouros.

Diversidade de alvos

Chamou a atenção ainda o fato de Mac Jones ter espalhado bolas para vários companheiros, não se limitando a alvos preferidos ou de segurança. Mac simplesmente aproveita o que a defesa adversária lhe fornece.

No total foram 9 jogadores a receber passes de Jones: Jakobi Meyers, Kendrick Bourne, Nelson Agholor, Brandon Bolden, Hunter Henry, Damien Harris, Jonnu Smith, N’Keal Harry e JJ Taylor.

Destaques para Meyers, Bourne, Agholor e Bolden, todos com mais de 50 jardas recebidas.

Comparação de Mac Jones com os quarterbacks calouros

Seguindo o que fizemos nas últimas semanas, eis os números de Mac Jones em comparação com os demais quarterbacks draftados no primeiro round de 2021:

Trevor Lawrence: 81/142 (57%), 873 jardas, 5 TDs, 7 INTs, rating de 66,4.

Zach Wilson: 79/139 (56,8%), 925 jardas, 4 TDs, 8 INTs, rating de 62,7.

Trey Lance: 10/19 (52,6%), 162 jardas, 3 TDs, 0 INTs, rating de 121.

Justin Fields: 25/52 (48%), 347 jardas, 0 TDs, 2 INTs, rating de 53,5.

Mac Jones: 112/160 (70%), 1012 jardas, 4 TDs, 4 INTs, rating de 84,6.


Foto de capa de autoria de AP Photo/Steven Senne.

Clique aqui para acompanhar o Patriotas no Instagram.

Compartilhe esta matéria:

Share on facebook
Share on twitter

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O Patriotas é um fã clube oficial no Brasil e reconhecido pelo New England Patriots nos Estados Unidos.

Site desenvolvido pela equipe Patriotas.