Matt LaCosse, mais um reforço para a nova temporada dos Patriots

matt lacosse

Após a dispensa de Dwayne Allen, os Patriots recorreram à Free Agency para tentar sanar a deficiência na posição de tight end, trazendo Matt LaCosse.

O contratado foi um tight end jovem, para ocupar o lugar de Allen. Além de ser um dos primeiros a tentar preencher a grande lacuna deixada por Gronk, que decidiu se aposentar.

Matt LaCosse o novo reforço dos Patriots

Essa agitada Free Agency, contrariamente ao que a torcida imaginava, trouxe um completo desconhecido para os torcedores dos Patriots.

Matt LaCrosse tem 26 anos, foi da classe de 2015 e começou sua carreira no New York Giants, como agente livre não draftado em maio daquele ano.

Nos Giants

Nos Giants, disputou a posição contra Adrien Robinson, Jerome Cunningham e Will Tye, mas, em julho de 2015, lesionou o Isquiotibial (um dos três músculos posteriores da coxa entre o quadril e o joelho) em um dos primeiros training camps.

Com isso, acabou sendo dispensado pela franquia de New York, em agosto.

No mercado, conseguiu acordo com os Jets, porém foi cortado após apenas 6 dias. Com isso acabou sendo contratado para o practice squad dos Giants, após vencer competição com Adrien Robinson.

Depois de Daniel Fells entrar para injury reserve e Larry Donnel se lesionar no pescoço, LaCosse foi promovido ao roster principal dos Giants, se tornando o terceiro tight end do time.

LaCosse em ação pelos Giants.

Em 2016, durante um jogo de pré-temporada contra o Buffalo Bills, LaCosse se machucou novamente, dessa vez no joelho, e perdeu toda aquela temporada, sendo colocado na injured reserve.

Na ano seguinte, após o training camp, foi escolhido como o quarto tight end da equipe. Mas ficou inativo pelos cinco primeiros jogos da temporada.

Chegou a participar da derrota contra o Seahawks e, após isso, não se firmou no time principal, sendo mantido nos Giants apenas para compor elenco de treino.

Seus números nos Giants foram bem modestos. Após participar ativamente apenas das temporadas de 2015 e 2017, LaCosse teve um saldo final de 5 jogos, 3 recepções e nenhum touchdown.

Acabou sendo cortado em novembro de 2017 e, depois, reassinou com a franquia para ficar no practice squad.

Nos Broncos

Depois disso, em dezembro de 2017, acabou assinando com os Broncos e terminou aquela temporada sem nenhuma recepção pelo time de Denver.

Já em 2018, LaCosse participou mais ativamente do time principal e buscou ser o mais produtivo possível.

Em 15 jogos foram 24 recepções, 11 conversões de primeiras descidas, com uma média de 10,4 jardas por recepção.

Conseguiu seu primeiro touchdown na vitória dos Broncos contra os Steelers, por 24 a 17, e ainda mostrou versatilidade nos special teams, fazendo um retorno de punt.

Opinião:

LaCosse tem um perfil mais recebedor, se comparado a Dwayne Allen, mas atua muito bem bloqueando.

Não é o grande nome que a torcida dos Patriots ansiava, mas ajudará na rotação dentro da posição, que, inclusive, pode ser uma das posições que Bill está de olho para o draft deste ano.

Para os menos animados, devemos frisar que vimos nomes desconhecidos e jogadores que não eram promissores se destacarem em New England e, depois, saírem do Pats por contratos milionários.

Vamos torcer para que com LaCosse a história possa se repetir.


Fiquem ligados nas nossas redes sociais para mais informações.

Compartilhe esta matéria:

Share on facebook
Share on twitter

Este post tem um comentário

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O Patriotas é um fã clube oficial no Brasil e reconhecido pelo New England Patriots nos Estados Unidos.

Site desenvolvido pela equipe Patriotas.