NFL muda a regra da recepção

NFL

A regra que define o que é recepção gerou as maiores controvérsias na NFL nos últimos anos.

Cansadas de tantas marcações polêmicas, as franquias chegaram a um consenso e modificaram o regramento para o que deve ser considerado um catch na NFL.

NFL muda a regra da recepção

Algumas das maiores polêmicas envolvendo arbitragem nas últimas temporadas referiram-se a marcações sobre o que era ou não um catch, uma recepção.

Sem muitas controvérsias sobre quando o recebedor recebia passes correndo ou saindo do campo, os problemas residiam no que diz respeito a recepções em que o receiver estava indo ao chão no processo de recepção.

A regra dizia que, caso o recebedor estivesse no processo de recepção enquanto ia ao chão, deveria manter o controle da bola durante todo o processo até retornar à inércia, ou seja, até parar.

Por isso, jogadas famosas como as de Dez Bryant (veja aqui) contra os Packers e a de Jesse James contra os Patriots (confira aqui) não foram consideradas recepções válidas.

Em ambos os casos, o recebedor estava indo ao chão no processo de recepção. Logo, pela regra, deveria manter o controle até voltar à inércia.

Ainda que ambos os atletas tenham tido o controle da bola quando encostaram os pés (ou outras partes do corpo) no gramado, perderam esse controle no contato com o chão, invalidando a recepção.

Pois bem, as 32 franquias cansaram desse regulamento, e por unanimidade aprovaram nesta semana a mudança.

Pela nova regra, a jogada, para que seja considerada uma recepção válida, precisa ter:

1. Controle da bola pelo recebedor;

2. Dois pés no chão ou alguma outra parte do corpo (costas, cotovelo, por exemplo);

3. Um “football move”.

Não há mais um regramento próprio para quando o jogador está caindo no momento da recepção.

Com isso, a NFL espera que as polêmicas diminuam consideravelmente a partir da temporada 2018.

NFL
Pela nova regra de recepção na NFL, uma recepção como a de Jesse James contra os Patriots será considerada válida.

Por mais que a mudança simplifique as coisas, a regra está longe de estar imune a controvérsias.

O terceiro ponto citado acima, o “football move”, pode vir a causar alguma discórdia.

Considera-se um “football move”, por exemplo, quando o jogador dá um terceiro passo após o controle; ou quando o atleta se estica em direção à linha da endzone.

Esse ponto pode trazer alguma polêmica, pois nem sempre estará claro se o movimento realizado pelo atleta pode ser considerado um “football move”.

Apesar de continuar dando margem a interpretações pelos árbitros, a nova regra traz um pouco mais de justiça ao regramento das recepções na NFL.

E você, leitor, gostou da mudança?


Para mais notícias da offseason da NFL, clique aqui.

Compartilhe esta matéria:

Share on facebook
Share on twitter

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O Patriotas é um fã clube oficial no Brasil e reconhecido pelo New England Patriots nos Estados Unidos.

Site desenvolvido pela equipe Patriotas.