Os canivetes suíços dos Patriots em 2021

patriots

Já foi amplamente dito no Patriotas como Bill Belichick valoriza jogadores versáteis no New England Patriots.

Alguns destes canivetes suíços já estavam no roster da equipe, outros chegaram nessa free agency.

A seguir, detalharemos alguns destes jogadores.

Os canivetes suíços dos Patriots em 2021

Michael Onwenu

Escolha do sexto round do Draft de 2020, “chegou chegando” em seu ano de rookie.

O guard vindo de Michigan teve que ser utilizado também em outras posições na linha ofensiva em decorrência de lesões dos jogadores dos Patriots semana a semana na última temporada.

Onwenu participou das 16 partidas da temporada regular, jogou 3 como right guard titular, 1 como left guard titular e 10 como right tackle titular, além de ter sido alinhado em alguns snaps como sexto OL/jumbo tight end.

Um detalhe muito importante aqui é o fato de que Onwenu não havia jogado nessas outras posições no College.

Michael Onwenu durante partida contra o Las Vegas Raiders contra o New England Patriots em Foxborough. (AP Photo/Stew Milne)

Desta feita, Onwenu conquistou um papel importante logo em seu ano de titular, terminou a temporada regular como um dos melhores linha ofensiva da liga e pode vir a se tornar um dos alicerces da OL dos Pats em 2021.

Ted Karras

O bom filho à casa retorna, e o center voltou para os Patritos nessa free agency.

Karras foi o center titular da equipe durante toda a temporada de 2019.

Contudo, para 2021 o center titular, David Andrews, fica. O que não significa que Karras não será utilizado pela comissão técnica.

Karras também atua como guard, já tendo substituído o RG titular, Shaq Mason, em algumas situações de lesão.

Adrian Phillips

Aquisição dos Patriots na free agency de 2020, o safety Adrian Phillips chegou em New England pouco badalado, mas já apostávamos em sua versatilidade para ajudar a equipe.

Com a ausência de Patrick Chung na temporada passada, Phillips fez as vezes de strong safety, além de ter atuado perto da linha de scrimmage como um linebacker.

Com efeito, esteve presente em mais de 700 snaps defensivos, encerrou a temporada como líder de tackles da equipe, tendo inclusive conseguido um sack em Tua Tagovailoa na Semana 15, contra o Miami Dolphins.

Não apenas é utilizado como defensive back, como também é linebacker e special teamer. Em 2020 teve 76 tackles solo, 2 interceptações e 4 passes desviados.

Jalen Mills

Da mesma maneira que Adrian Phillips fez as vezes de Chung em 2020, o recém-chegado Jalen Mills deve desempenhar esse papel agora com a aposentadoria de Patrick.

Mills é um defensive back, podendo atuar em várias áreas da secundária. Muito utilizado como cornerback nos seus anos no Philadelphia Eagles, em 2020 foi convertido para safety.

Capaz de jogar em todas as posições da secundária, foi sólido como safety no box, como free safety, como cornerback e slot corner, além de em alguns momentos atuar perto da linha de scrimmage. Todavia, falta mais velocidade para ele conseguir um desempenho de mais alto nível como corner.

Por fim, Mills terminou a temporada 2020 com 59 tackles solo, 1 fumble forçado, 1 interceptação e 3 passes desviados.

Dalton Keene

Talvez esse nome cause certa estranheza após a chegada de Jonnu Smith e Hunter Henry, mas ele faz sentido. Keene é um jogador que terá que brigar para permanecer no roster e sua versatilidade pode contar pontos a seu favor.

A despeito de ter sido escolha de terceira rodada do Draft de 2020 dos Patriots, ele lidou com lesões que o mantiveram fora de campo na maior parte da temporada.

Participou apenas de 140 snaps em 6 partidas disputadas e terminou o ano de calouro com 3 recepções para 16 jardas e 1 fumble.

Todavia, além das lesões sofridas (pescoço e joelho), Dalton Keene teve dificuldade com a adaptação entre o estilo de jogo de Virginia Tech e o ataque do New England Patriots.

Durante o College, Keene jogava muito como h-back, então pode ser alinhado no backfield.

De tal sorte, pode ser colocado inline como TE, como wideout e também no slot. Assim, é um jogador que pode tanto receber quanto correr com a bola.

Em fevereiro desse ano, Belichick falou a respeito das dificuldades do jogador em se adaptar ao playbook, mas elogiou a versatilidade de Keene, e disse que pretendem trabalhar com o jogador:

“Ele é um garoto esperto. Ele é atlético. Ele é forte. Ele é resistente. Não consigo enxergar nenhuma razão pela qual ele não pode e não fará ajustes a tempo. Vamos trabalhar nisso.”

Compartilhe esta matéria:

Share on facebook
Share on twitter

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O Patriotas é um fã clube oficial no Brasil e reconhecido pelo New England Patriots nos Estados Unidos.

Site desenvolvido pela equipe Patriotas.