Patriots precisarão que o setor ofensivo ajude a defesa para um bom 2021

Em 2019 New England decerto brilhou no lado defensivo da bola. No entanto sem auxílio do ataque as coisas não terminaram bem. Já neste ano os Patriots precisarão que o setor ofensivo ajude a defesa para um bom 2021.

Instagram Fã Clube Patriotas

Em 2019 os Patriots tiveram uma defesa dominante e um ataque fraco

Patriots Defense Joins Elite Company on ESPN Fantasy Football "Can't Drop"  List

Com toda a certeza a defesa dos Patriots foi bem competente em 2019, embora tenha demonstrado alguns problemas contra a corrida.

Ao final daquela temporada terminou como a melhor em TDs aéreos cedidos (13), interceptações (25), QB rating cedido (62,8) e porcentagem de passes completos cedida (56,5%).

Além disso, a defesa de Belichick foi a segunda com mais passes defendidos (89) e em média de jardas aéreas cedidas por duelo (180,4).

De fato em algumas partidas o setor sofreu contra a corrida, mas no geral se colocou bem no quesito, ficando entre os melhores da liga.

No entanto foi a outra unidade dos Patriots que atrapalhou o time, visto que seu ataque foi bem ineficiente naquele ano.

Dessa forma, o setor ofensivo de New England ficou com o 16° lugar em passes para TD (25) e 18° em jardas corridas (1.703), mostrando-se incapaz em grandes jogos.

Essa disparidade entre ataque e defesa ficou clara na eliminação contra os Titans, no Wild Card daquela temporada, em New England.

Nesse duelo a defesa dos Patriots sofreu contra a corrida, no entanto segurou o oponente em 14 pontos até Brady sofrer uma pick 6 no momento final.

O duelo mostrou com clareza que uma defesa de qualidade não vai a lugar algum sem que o setor ofensivo seja minimamente produtivo.

OL e ataque terrestre são trunfos para um 2021 de sucesso

Patriots snap counts: Damien Harris abandoned early vs Texans

De fato alguns pontos no fracasso de 2019 foram muito cobrados: proteção ruim ao QB e jogo terrestre fraco (8° pior em jardas por carregada).

Além disso, o corpo de recebedores também recebeu muitos questionamentos, visto que somente Julian Edelman brilhou.

Já no ano seguinte houve algumas mudanças. Embora o ataque aéreo tenha ficado até pior, o jogo por solo melhorou muito, assim como a proteção ao QB.

Correndo com a bola em 2020 os Patriots foram quartos em jardas corridas (2.346), jardas por jogo (146.6) e first downs (143).

Dessa forma conseguiram ficar com a sexta posição em touchdowns terrestres anotados, atingindo a end zone 20 vezes nesse tipo de jogada.

Já na proteção ao passe os Patriots também evoluíram, sofrendo algumas vezes pela demora de Cam em executar seus passes.

Nesse âmbito chama a atenção o rookie Michael Onwenu, que demonstrou talento e versatilidade na proteção ao passador.

Com a chegada/retorno de Trent Brown e a permanência do center David Andrews, é esperada uma temporada ainda melhor do setor em 2021.

Decerto o talento na linha ofensiva será essencial para abrir espaços para a corrida e também dar mais tempo para passes no ataque.

A peças se encaixaram, mas o QB será necessário nesse quebra-cabeças

Patriots QB Cam Newton ready and excited to leave 2020 behind - The Boston  Globe

Como mostrado acima, os Patriots conseguiram solucionar 2 problemas de 2019: somou a sua boa defesa um potente jogo corrido e boa OL.

No entanto há um ponto ainda importante para as peças desse quebra-cabeças se encaixarem: nada menos que a posição mais importante do time.

De fato os Patriots não possuem mais um QB do calibre de Brady, no entanto com um elenco mais talentoso as coisas podem andar.

Em 2020 Cam Newton basicamente comandou um ataque aéreo pífio em todos os seguimentos, porém sem ajuda ao seu redor.

Com toda a certeza isso não exime o camisa 1 de suas atuações horríveis, mas o concede a dúvida de como pode ser com boas armas.

Contando agora com ótimos TEs e bons WRs, o QB terá tudo na mão para oferecer o apoio que a talentosa defesa dos Patriots precisa.

Se o bom desempenho vier, New England terá tudo para encarar de frente qualquer franquia em 2021.

Já no caso de tudo correr mal, os Patriots terão possivelmente um ano parecido com 2019, tendo sua defesa minada pelo ataque.

Compartilhe esta matéria:

Share on facebook
Share on twitter

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O Patriotas é um fã clube oficial no Brasil e reconhecido pelo New England Patriots nos Estados Unidos.

Site desenvolvido pela equipe Patriotas.