Pats “dão sorte” e se aproximam da semana de bye nos playoffs

bill belichick

A semana 16 da temporada regular foi perfeita para os Pats, que além de conquistarem a divisão, aproximaram-se da tão desejada semana de bye nos playoffs.

Pats “dão sorte” e se aproximam da semana de bye nos playoffs

O New England Patriots de 2018 é, sem dúvidas, um time bastante inconsistente. É difícil listar uma partida que ataque, defesa e special teams tenham atuado bem concomitantemente. Quando o ataque está voando, a defesa cede diversas jardas, como na partida contra os Dolphins, na semana 14. Ou quando a defesa consegue parar o adversário, o ataque aéreo não engrena, como na vitória de ontem sobre os Bills.

Além da nítida inconsistência, o elenco dos Pats, apesar de saudável, não é tão talentoso como o dos últimos anos, e ainda conta com temporadas abaixo da média de Tom Brady, Rob Gronkowski e Dont’a Hightower, peças vitais.

Por essas e outras, a tendência era que New England jogasse a rodada de Wild-Card dos playoffs, fato que não ocorre desde 2009. Se houvesse justiça no esporte, provavelmente o certo seria isso. Contudo, como todo bom campeão, é preciso de uma pitada de sorte, e os Pats tiveram na semana 16.

Com a vitória do Philadelphia Eagles, com um field goal de 35 jardas no estouro do cronômetro, para cima do Houston Texans, os Patriots assumiram a seed #2 da AFC, que dá a tão sonhada semana de bye nos playoffs.

Para garanti-lá, basta derrotar o já eliminado New York Jets, no domingo (30), no Gillette Stadium, onde o time de Belichick não perde na temporada regular para o rival há mais de 10 anos. Sendo assim, muito provavelmente New England confirmará a semana de bye na pós-temporada, e dará um descanso fundamental para Tom Brady, que apesar de não parecer já tem 41 anos.

Destarte, caso dê a lógica, os Pats finalizarão a temporada com um recorde 11-5, o pior do time desde 2009. Curiosamente, em 2001, ano do primeiro título da franquia, New England também terminou na seed #2 e 11-5.

Agora, analisando o cenário da AFC, se a temporada acabasse hoje, Kansas seria a seed #1 da AFC, Houston a #3, Baltimore a #4, Los Angeles a #5 e Indianapolis a #6. Dessa forma, os Patriots enfrentariam, no Divisional Round, o time vencedor do Wild-Card com a maior seed. Logo, um confronto contra os Colts já estaria descartado.

Vale ressaltar que ainda dá para New England ficar com a seed #1 da conferência, mas é muito difícil disso ocorrer, já que os Chiefs teriam que perder para os Raiders, em casa, e os Chargers para os Broncos, fora. Além, é claro, dos Pats derrotarem New York.

Compartilhe esta matéria:

Share on facebook
Share on twitter

Este post tem um comentário

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O Patriotas é um fã clube oficial no Brasil e reconhecido pelo New England Patriots nos Estados Unidos.

Site desenvolvido pela equipe Patriotas.