Perder Revis e Browner não afetará apenas a defesa

Muitos torcedores do New England Patriots ainda não conseguiram digerir as perdas de Darrelle Revis e Brandon Browner, jogadores que formaram a melhor secundária da equipe nos últimos anos e ajudaram a conquistar o 4º Lombardi Trophy.

Analistas já indicavam que Revis e Browner seriam jogadores “de aluguel”, que chegariam ao time por uma temporada para tentar montar uma forte defesa e avançar em busca do título. Mesmo assim, suas saídas deixaram um ar de tristeza pelos lados de Foxborough.

Brandon LaFell, wide receiver dos Patriots, recentemente concedeu entrevista e nela falou sobre a dupla de ex-companheiros. LaFell levantou um ponto interessante: as ausências de Revis e Browner terão repercussão no ataque dos Patriots.

Perder Revis e Browner não afetará apenas a defesa

Nos treinos de uma equipe da NFL, é comum haver “batalhas” entre jogadores de defesa e ataque. Da ótica do wide receiver, ele sempre enfrenta nos treinos os cornerback e safeties titulares da equipe.

Para Brandon LaFell, nada que ele viveu na carreira se comparou a enfrentar diariamente Revis e Browner nos treinos.

“Você tem que ir contra aqueles caras e jogar em outro nível todos os dias nos treinos. Quando chegava a hora dos jogos, você havia praticado contra Revis, que eu acho que é o melhor cornerback da NFL, ou um cara como Browner, que eu acho que é o cornerback mais físico da NFL, então você praticamente conseguia se livrar de qualquer jogador”.

A temporada 2014, foi a melhor de LaFell em sua carreira, e o jogador conseguiu 74 recepções para 953 jardas e 5 touchdowns.

Para o wide receiver dos Patriots, essa boa produção se deve a ter enfrentado Revis e Browner constantemente nos treinos.

“Revis e Browner foram dois dos melhores jogadores que eu enfrentei na minha carreira. Ir contra Revis todo dia, você sabe que tem que trazer seu melhor jogo todas as vezes. Ele era competitivo todos os dias. Se você não fizer seu melhor ele vai lhe envergonhar, e não vai ter problema de apertar sua mão depois da jogada e dizer ‘você precisa fazer isso ou aquilo’”.

“E quando você vai contra um cara como Browner, que é tão grande – 1,95m, 100 kg, braços longos, muito físico. Ele é um cara que se você entrar no passo errado ele vai colocar as mãos em você e jogar você nos coolers de Gatorade ou jogar você nos jogadores da linha defensiva.”

Treinar contra Revis e Browner ajudou LaFell a ter em 2014 a melhor temporada de sua carreira.
Treinar contra Revis e Browner ajudou LaFell a ter em 2014 a melhor temporada de sua carreira.

As presenças de Revis e Browner, cada um com suas características próprias, criava um desafio constante para os recebedores dos Patriots, e quanto maior o desafio nos treinos melhor preparados os jogadores estarão para os jogos.

Com as saídas desses jogadores, talvez seja hora de os wide receivers retribuírem o favor, utilizando a experiência que acumularam em 2014 para ajudar o jovem grupo de cornerbacks a se desenvolver e prepara-los para as difíceis situações que encontrarão todos os domingos no campo.

Compartilhe esta matéria:

Share on facebook
Share on twitter

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O Patriotas é um fã clube oficial no Brasil e reconhecido pelo New England Patriots nos Estados Unidos.

Site desenvolvido pela equipe Patriotas.