Qual impacto terão as contratações dos Patriots na temporada 2020?

contratações dos patriots

O New England Patriots contratou nove atletas na free agency até então, e apesar de nenhum jogador renomado ter pousado em Foxborough, alguns reforços devem ser úteis para o time na temporada 2020.

Logo de cara, ao olhar a lista dos contratados, o nome que mais chama atenção é o de Brian Hoyer, por motivos óbvios. Com a saída de Brady, Hoyer irá disputar o posto de quarterback titular com Jarrett Stidham, e embora o jovem leve vantagem, o veterano promete não vender barato essa vaga. Ademais, mesmo que Stidham seja o titular, Brian terá um papel fundamental no desenvolvimento do camisa 4. Assim, mesmo que não apareça em campo, tudo indica que Hoyer será importante no dia a dia.

Seguindo adiante, a contratação do FB Dan Vitale, ex-Packers, mostrou-se certeira, principalmente a partir do momento que James Develin anunciou aposentadoria. Sem o camisa 46, Vitale irá disputar seu lugar com o alemão Jakob Johnson, e larga na frente na disputa por ser um jogador mais pronto, além de ter mais experiência.

Outro reforço que chegou para ser reposição direta de uma perda foi o DT Beau Allen. Ex-Eagles e Buccaneers. Allen é o provável substituto de Danny Shelton, que assinou com os Lions após uma sólida temporada nos Patriots em 2019. Beau tem um estilo de jogo e porte físico semelhantes ao de Shelton, resta saber se ele conseguirá produzir no mesmo nível.

Além desses três nomes, New England também acertou com o safety Adrian Phillips, aclamado por muitos como melhor contratação da equipe. Phillips vem para dar profundidade à posição de strong safety, que ano passado vivenciou dificuldades devido às recorrentes lesões de Patrick Chung. Outrossim, como não poderia ser diferente, o ex-Chargers é reconhecido por seu trabalho nos special teams, já tendo sido eleito para o Pro-Bowl e pro First-Team All Pro em 2018 atuando na função.

Patriots
Phillips é considerado por muitos analistas como o jogador mais talentoso contratado pelos Pats.

Voltando para o ataque, há duas incógnitas na posição de wide receiver. Primeiro, Damiere Byrd, ex-Cardinals, que desembarca nos Patriots com números modestos na carreira, mas vindo de sua melhor temporada e tendo como principal característica a velocidade, apresentando-se como um substituto de Phillip Dorsett. E em segundo, o ex-Jaguars Marqise Lee, que basicamente não jogou nas últimas duas temporadas por conta de lesão, mas que em 2016 e 2017 combinou para mais de 1.500 jardas e 200 recepções. No momento, Byrd larga na frente por uma vaga, mas caso Lee consiga se manter saudável a batalha irá esquentar.

Por fim, para fechar a lista, temos o OLB Brandon Copeland, S/ST Cody Davis e CB Lenzy Pipkins. Entre eles, o primeiro é o com mais chances de aparecer em 2020, como um pass rusher situacional, já Davis precisará evoluir consideravelmente como free safety para ter chance de substituir Duron Harmon, pois apenas o fator special teams não deverá ser suficiente para conquistar uma vaga no elenco, enquanto Pipkins é candidato ao practice squad.


Conheça mais sobre os jogadores contratados clicando aqui.

Compartilhe esta matéria:

Share on facebook
Share on twitter

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O Patriotas é um fã clube oficial no Brasil e reconhecido pelo New England Patriots nos Estados Unidos.

Site desenvolvido pela equipe Patriotas.