Quem é o único UDFA contratado pelos Patriots em 2021?

UDFA

A offseason de 2021 do New England Patriots está sendo bastante atípica desde a free agency, quando o time abriu o bolso e realizou inúmeras contratações, e esse modus operandi diferente de Bill Belichick pôde ser visto também no pós-Draft, no que tange aos UDFA(s)(free agents não draftados).

Tradicionalmente, logo após o encerramento do Draft, New England costuma assinar com diversos UDFAs, aqueles jogadores que não foram selecionados por nenhuma equipe, para preencher as vagas remanescentes do elenco.

Essa estratégia dos Patriots inegavelmente rendeu muitos frutos nos últimos anos. Nomes como J.C. Jackson, David Andrews, Malcolm Butler e Jakobi Meyers, dentre outros, chegaram ao time como free agents não draftados e fizeram/fazem bastante sucesso.

Contudo, em 2021, New England surpreendeu e trouxe apenas um UDFA até agora. Tal mudança de postura, vale ressaltar, foi motivada por uma quantidade menor de jogadores participantes no Draft, já que houve cerca de 1/3 do número de inscritos quando comparado a 2020, devido às consequências da pandemia, que impactou profundamente o college football.

Por conta disso, a classe de free agents não draftados esse ano foi a que teve menos atletas representados por agentes, o que é um indício de um nível mais baixo de qualidade entre os prospectos. Por fim, o board dos Patriots também estava mais enxuto.

Assim, New England preferiu ser mais cauteloso e contratou apenas o kicker Quinn Nordin, de Michigan. Mas quem é ele?

Nordin não era considerado um dos três melhores kickers do Draft 2021, muito por conta da sua temporada 2020, quando acertou apenas 2 de 5 field goals tentados em quatro partidas. Todos os seus FGs errados, aliás, foram em uma única partida, contra Rutgers, em chutes de 35, 49 e 53 jardas.

Todavia, no geral, ele teve uma carreira regular por Michigan: 42/58 nos FGs (72,4% de aproveitamento) e 119/124 nos extra points (96% de aproveitamento). Seu chute mais longo convertido foi de 57 jardas.

Sua chegada aos Patriots foi um tanto quanto inusitada devido à posição em que atua, haja vista que New England já possuía no elenco os kickers Nick Folk e Roberto Aguayo.

Folk, inclusive, é o grande favorito para ser o kicker titular da equipe, já que ele teve uma ótima temporada em 2020, não errando nenhum field goal desde a semana 3, o que o fez renovar contrato com os Patriots, recebendo cerca de $1,225M garantido.

Porém, aos 36 anos, não se sabe se sua perna aguentará toda a temporada, bem como, devido à idade, ele está na reta final da carreira. Portanto, a vinda de Nordin é uma maneira de tentar rejuvenescer a posição, uma vez que Justin Rohrwasser, draftado em 2020, não faz mais parte da equipe.

Sendo assim, neste primeiro momento, a chance de Nordin permanecer no elenco final não é alta, e o practice squad aparenta ser o caminho natural para ele. No entanto, o calouro chamou atenção nos dois treinos dos OTAs abertos à imprensa, com os jornalistas destacando a força do seu chute.

Por fim, vale salientar que ter três kickers no elenco, apesar de Folk ser o favorito, demonstra que haverá disputa pela posição e que Nick não está totalmente garantido. Na época que Stephen Gostkowski era o titular, por exemplo, ele na maioria das vezes era o único kicker do roster. Logo, é importante monitorar a situação da posição no training camp.

PS: Caso “dê a lógica” do momento e Nordin não fique no elenco final, terminará uma sequência de 17 anos seguidos com pelo menos um UDFA fazendo parte do roster dos Patriots na semana 1 da temporada regular.


Acompanhe o Patriotas no twitter!

Compartilhe esta matéria:

Share on facebook
Share on twitter

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O Patriotas é um fã clube oficial no Brasil e reconhecido pelo New England Patriots nos Estados Unidos.

Site desenvolvido pela equipe Patriotas.