Quem foi mais marcante com a camisa 28: Corey Dillon ou James White?

Camisa 28 James White Corey Dillon

Existem números de camisa que carregam junto de si o peso de jogadores históricos e isso pode ser visto em diversos esportes. Nos Patriots não é diferente. Alguns se aposentam com a marca de um único jogador, outros duram em várias gerações de grandes atletas.

Hoje vamos falar da camisa 28 e, apesar de já ter passado por outros bons nomes, vamos ver quem foi mais marcante por New England entre Corey Dillon e James White.

A camisa 28: Corey Dillon x James White

Corey Dillon

Camisa 28 Corey Dillon

Selecionado pelos Bengals no segundo round do Draft de 1997 da NFL (escolha geral número 43), Corey Dillon chegou a New England em 2004, após 7 temporadas em Cincinnati.

Já em seu primeiro ano com os Patriots, Dillon teve números impressionantes, com 1.635 jardas em 345 tentativas de corrida (ambos recordes em sua carreira), anotando 12 touchdowns terrestres, além de 1 TD aéreo.

Naquela pós-temporada, o running back foi de extrema importância, principalmente na partida contra o Indianapolis Colts e na conquista do Super Bowl XXXIX, contra o Philadelphia Eagles. No total, foram 345 jardas e 2 touchdowns em 3 jogos.

Em 2005, apesar de algumas lesões evitarem Dillon de repetir os feitos da primeira temporada em New England, o running back continuou sendo o principal nome do jogo terrestre dos Patriots, mas foi também mais explorado no jogo aéreo, somando mais jardas pelo ar, em apenas 12 jogos, do que nos 2 anos anteriores combinados.

No seu último ano com os Pats, Dillon dividiu trabalho com o estreante Laurence Maroney e teve uma queda na produção de jardas por jogo (de 61,1 para 50,8), porém obteve o seu recorde na carreira de TDs terrestres, com 13.

Apesar de ter tido grandes temporadas com os Bengals, é fato que os melhores e mais marcantes anos pra carreira de Dillon foram em New England.

James White

Camisa 28 James White

Mais um dos grandes jogadores de New England que foram “baratos” no Draft, James White foi draftado pelos Patriots em 2014, como escolha geral número 130 (4º round). Desde então, o running back é o dono da camisa 28 e carrega o peso de 3 anéis de Super Bowl.

Apesar de não ter participado do Super Bowl XLIX, em seu ano de calouro, White cresceu de produção nos dois anos seguintes e teve destaque absoluto no marcante Super Bowl LI, contra o Atlanta Falcons.

Sempre se destacando mais no jogo aéreo, White anotou 14 recepções (recorde da NFL em Super Bowls) para 110 jardas (recorde de jardas aéreas em Super Bowls para um RB), além de outras 29 jardas terrestres, com 3 touchdowns e uma conversão de 2 pontos (recorde da NFL de pontos em um Super Bowl, com 20).

Apesar de todo o destaque, White não venceu o MVP daquele Super Bowl. Essa decisão foi tão controversa, que o próprio escolhido MVP, Tom Brady, disse que White era o verdadeiro merecedor e decidiu dar o carro dado ao vencedor para White.

Em 2018, foi escolhido como um dos capitães do time pela primeira vez na carreira. E o Patch de capitão parece ter feito bem ao running back, já que White terminou a temporada regular com suas melhores marcas em tentativas de corrida, jardas terrestres, touchdowns terrestres e número de recepções, jardas aéreas e touchdowns aéreos.

Apesar do ano incrível, White viu seus números despencarem na pós-temporada que resultou no 6º título de Super Bowl dos Patriots, já que o grande destaque foi para o outro running back do elenco: o calouro Sony Michel.

Com todo esse destaque, White foi escolhido para fazer parte da seleção da década de 2010 dos Patriots.

Veredito

É inegável que Corey Dillon construiu uma história brilhante em New England nos poucos anos em que vestiu a camisa dos Patriots, mas poucos jogadores tem um carisma e o carinho da torcida como White.

Por tudo já apresentado, o atual camisa 28 leva vantagem nessa disputa e ainda tem alguns anos para continuar fazendo história com os Pats. Que venham mais Super Bowls!


E aí, torcedor, qual foi o melhor camisa 28 na sua opinião?

Acompanhe o Patriotas no Twitter e no Instagram!

Compartilhe esta matéria:

Share on facebook
Share on twitter

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O Patriotas é um fã clube oficial no Brasil e reconhecido pelo New England Patriots nos Estados Unidos.

Site desenvolvido pela equipe Patriotas.