Ranking dos QBs que os Patriots enfrentarão em 2019

Com a temporada 2019 se aproximando, trazemos para vocês um ranking dos quarterbacks que enfrentaremos neste ano.

Ranking dos QBs que os Patriots enfrentarão em 2019

Vale lembrar que, para a formação do ranking, o critérios escolhidos foram apresentações recentes + talento e não a qualidade do elenco de cada jogador.

13° Dwayne Haskins – Washington Redskins

Resultado de imagem para Dwayne Haskins
Haskins em Ohio State.

Uma escolha fácil, não pelo talento do prospecto de Ohio State, afinal, Haskins produziu 4.891 jardas com seus passes, além de 50 TDs e 8 interceptações (70% de passes completos).

No entanto, ele é um rookie. A liga costuma ser cruel com os novatos (Peyton Manning que o diga) e Belichick costuma ser ainda mais implacável contra os meninos.

12° Lamar Jackson – Baltimore Ravens

Resultado de imagem para Lamar Jackson
Jackson precisa evoluir como passador em 2019.

Jackson demonstrou na sua primeira temporada muita habilidade com as pernas (695 jardas e 5 TDs), no entanto não foi bem com as mãos.

O jovem conseguiu apenas 1.201 jardas passadas, com 6 TDs e 3 interceptações, fator que lhe rendeu rating de 84.5.

As últimas notícias dão conta de que Jackson vem tendo dificuldade em lidar com o playbook da temporada, que força mais seu jogo com as mãos.

11° Josh Rosen – Miami Dolphins

Resultado de imagem para josh rosen dolphins
Será que novos ares farão bem a Rosen?

Considerado um dos mais talentosos QBs da classe de 2018, Rosen teve uma temporada medíocre em um time que foi muito mal.

Em seu primeiro ano Rosen produziu 2.278 jardas, com 11 TDs e 14 interceptações (rating de 66.7).

Seu ano ruim lhe conferiu essa posição no ranking, mas Rosen possui talento para evoluir na Flórida, já que os Cardinals jogaram, e muito, contra ele em 2018.

10° Josh Allen – Buffallo Bills

Resultado de imagem para josh allen
Josh Allen em ação pelos Bills.

A sua inconsistência o coloca na décima posição do raking. No entanto, Allen mostrou-se melhor do que muitos esperavam.

Jogando em um ataque fraco, com uma linha ofensiva ruim, o QB foi o único suspiro ofensivo dos Bills na temporada.

Com 2.074 jardas passadas, 10 TDs e 12 interceptações, Allen notoriamente precisa evoluir, mas demonstra muita desenvoltura com as pernas (631 jardas e 8 TDs) e pode surpreender em 2019.

Sam Darnold – New York Jets

Resultado de imagem para sam darnold
Em 2019 Darnold deve ter uma boa evolução.

Para um rookie que jogou por uma equipe fraca, Sam Darnold teve uma temporada bem decente.

Demonstrando inteligência e boa precisão, acumulou 2.865 jardas, 17 TDs e 15 interceptações (rating 77.6). Não são números expressivos, mas quem o viu em campo notou que há talento ali.

Jogar ao lado de Le’Veon Bell deve ajudar na evolução do garoto, que parece ter uma teto alto para o futuro.

Andy Dalton – Cincinnati Bengals

Resultado de imagem para andy Dalton
Dalton nunca demonstrou ser mais do que mediano.

Jogando numa franquia que parece não saber para onde vai, Dalton é o típico QB mediano da liga, por isso é o primeiro nome à frente dos jovens nesse ranking.

Em 2018 somou 2.566 jardas, 21 TDs e 11 interceptações em 11 jogos, com rating de 89.6. Números medianos, assim como seu football.

Dalton pode te ferir em um dia inspirado, tem AJ Green para isso, mas em um dia normal não irá entregar muito.

Eli Manning – New York Giants

Resultado de imagem para eli manning 2018
Eli ainda pode ter boas jogas, porém é inconstante demais.

Eli é um QB notoriamente em declínio e próximo da aposentadoria, mas merece o sétimo lugar neste ranking, simplesmente por ter jogado mais do que os nomes abaixo dele.

Com problemas sérios na linha ofensiva e lesões no ataque, Eli ainda produziu 4.299 jardas, 21 TDs e 11 interceptações (rating 92.4, quarto melhor de sua carreira).

Não é uma defesa ao combalido camisa 10. É simplesmente justo dentro dos parâmetros de escolha.

Dak Prescott – Dallas Cowboys

Resultado de imagem para Dak Prescott 2018
E ano de contrato, Prescott precisa jogar bem em 2018.

Dak Prescott alterna jogadas muito boas com falhas bobas. Mostrou, mais uma vez, na última temporada que pode ser um QB confiável, mas que não demonstra um teto elevado.

Em 2018 conseguiu 3.885 jardas, 22 TDs e 8 interceptações (rating 96.9), além de 305 jardas e 8 TDs com as pernas.

Em ano de contrato, deve dar o seu melhor para conseguir tirar o máximo de dinheiro de Jerry Jones.

Baker Mayfield – Cleveland Browns

Resultado de imagem para Baker Mayfield
Mayfield foi bem em sua temporada de rookie.

Primeira escolha no draft de 2018, Baker mostrou de cara que pode brilhar nesta liga.

Jogando pela franquia de Ohio, conseguiu 3.725 jardas, 27 TDs e 14 interceptações (rating 93.7), com 14 partidas disputadas.

Atuando ao lado de Odell Beckham Jr este ano, Mayfield deve demonstrar evolução e, provavelmente, brigar pelo posto de melhor QB jovem da liga.

Deshaun Watson – Houston Texans

Resultado de imagem para Deshaun Watson 2018
Watson levou os Texans para os playoffs em 2018.

Watson teve um começo de temporada complicado ao retornar de lesão. Mas quando engrenou conseguiu demonstrar talento.

Com 4.165 jardas, 26 TDs e 9 interceptações (rating 103.1) o camisa 4 levou a franquia texana para os playoffs como era esperado.

Com seu forte braço, espera-se que o QB evolua, seja mais constante em 2019 e dê trabalho em seu terceiro duelo com Belichick.

Ben Roethlisberger – Pittsburgh Steelers

Resultado de imagem para Ben Roethlisberger 2018
Big Ben ainda tem gasolina no tanque.

Big Ben produziu 5.129 jardas e fez dois de seus WR passarem de mil jardas na temporada 2018, só isso já demonstra o talento do veterano.

Também fez partidas ruins, é claro. Mas devemos lembrar dos erros de seu kicker e das não marcações contra os Saints, que minaram a campanha dos Steelers.

Com sua capacidade de criar jardas, sua experiência e sem Brown e Bell tumultuando o vestiário, Big Ben deve dar trabalho as secundárias em 2019.

Carson Wentz – Philadelphia Eagles

Resultado de imagem para Carson Wentz 2018
Saudável, Wentz poderá brilhar em 2019.

Finalmente saudável, Wentz pode novamente demonstrar o talento que encantou a todos em 2017 e, este fator, o confere a segunda posição no ranking.

Mesmo jogando baleado, o camisa 3 acumulou 3.074 jardas, 21 TDs e 7 interceptações (rating 102.2) em 2018, atuando em somente 11 partidas.

Sua precisão nos passes e capacidade de criar jogadas fora do pocket fazem dele um QB que, caso se mantenha saudável, será dominante.

Patrick Mahomes – Kansas City Chiefs

Resultado de imagem para Patrick Mahomes 2018
Mahomes mostrou-se imparável em 2018.

Atual MVP, Mahomes conseguiu – em sua primeira temporada como titular – 5.097 jardas, 50 TDs e 12 interceptações (rating 113.8), que são números assombrosos.

Sem Hunt e Hill, o camisa 15 deve ter mais problemas em 2019. No entanto a força de seu braço, sua versatilidade e todo talento que possui (com as mãos e com as pernas) podem suprir isso.

Mahomes tem o talento necessário para ser a cara da NFL pelas próximas décadas. Seu teto? Como diz o ditado, “o céu o limite”.


Os Pats iniciaram os seus OTAs, confira um resumo dessas primeiras atividades clicando aqui.

Compartilhe esta matéria:

Share on facebook
Share on twitter

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O Patriotas é um fã clube oficial no Brasil e reconhecido pelo New England Patriots nos Estados Unidos.

Site desenvolvido pela equipe Patriotas.