Segundanistas dos Patriots que precisam se provar em 2016

A temporada de estréia na NFL é, geralmente, a mais difícil na carreira de um jogador, seja pela mudança no estilo de jogo ou inexperiência. Com isso, diversos jogadores não atuam bem, e entram “pressionados” para se provarem na temporada seguinte. Veja os cinco segundanistas dos Patriots nesse caso.

Segundanistas dos Patriots

S Jordan Richards, 2ªrodada:

images (1)

Jordan Richards, que chegou da Universidade de Stanford, foi a escolha mais contestada de Bill Belichick pela torcida. Numa posição que o time não tinha necessidade, Richards chegou para somar no setor que contém Devin McCourty e Patrick Chung. Ele, que era apontado para sair entre a 5ª e a 6ª rodada, não jogou um football válido de 2ª. Praticamente garantido no elenco final, Jordan entrará na temporada de 2016 com pressão nas costas.

DE Geneo Grissom, 3ª rodada:

images (2)

Geneo Grissom teve uma temporada de 2015 discreta, aparecendo mais nos Special Teams. O produto de Oklahoma sofreu com seus ótimos concorrentes de posição, Chandler Jones, Rob Ninkovich, Dominique Easley e Jabaal Sheard. Apesar de pouco aparecer, Grissom se mostrou um bom jogador no interior da linha. Com a saída de Jones e Easley, o camisa #92 terá uma boa chance de crescer e mostrar seu jogo na temporada de 2016.

DE Trey Flowers, 4ªrodada:

images (3)

Trey Flowers se mostrou uma boa escolha dos Patriots no dia do Draft. A primeira impressão dele foi melhor ainda, sendo o calouro destaque da equipe na pré-temporada. Porém, ele deu azar. Flowers acabou sofrendo uma grave lesão, e mesmo o time não pondo ele na IR instantaneamente, Trey não conseguiu atuar 100% em 2015. A cria de Arkansas tem tudo para ser o melhor segundanista dos Pats (somente atrás de Malcom Brown), caso consiga se manter saudável.

OG Tre’ Jackson, 4ªrodada:

images (4)

Os Patriots foram pro recrutamento do ano passado com uma enorme necessidade na posição de Linha Ofensiva. Tre’ Jackson foi a primeira escolha do time para essa posição, porém, seu companheiro que foi draftado 20 picks depois, Shaq Mason, se mostrou mais sólido. Jackson fez parte da rotação da OL, e acabou ficando “de lado” após sofrer com constantes lesões. Com tantos guards no elenco, Tre’ corre o risco de ficar de fora do roster final, mas caso consiga cavar uma vaga, terá que se provar.

CB Darryl Roberts, 7ªrodada:

images (5)

Vindo de Marshall, Darryl Roberts foi uma das surpresas dos Patriots durante o training camp e a pré-temporada. Num setor que o time tinha extrema necessidade, Roberts era presença quase certa no elenco final, porém, assim como Trey Flowers, ele teve uma grave lesão, só que na mão, e acabou perdendo toda a temporada passada. Darryl está brigando pela, teoricamente, última vaga na posição de cornerback, e mesmo tendo sido considerado um steal, ele tem que mostrar para o que veio.

Acompanhe o Patriotas no twitter!

Compartilhe esta matéria:

Share on facebook
Share on twitter

Este post tem 2 comentários

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O Patriotas é um fã clube oficial no Brasil e reconhecido pelo New England Patriots nos Estados Unidos.

Site desenvolvido pela equipe Patriotas.