Tatidown Patriots – Semana 6: Patriots X Broncos

Após uma bye week adiantada na Semana 5, Patriots x Broncos se enfrentaram na Semana 6 e os Pats perderam em casa.

Confira uma breve análise da partida a seguir.

Tatidown Semana 6: Patriots x Broncos

Olá Patriotas!

Após duas semanas com muitas adversidades, testes positivos para COVID-19, jogo remarcado e bye week forçada na Semana 5, os Pats retornaram a campo na Semana 6.

Infelizmente não veio a vitória que pensávamos que seria fácil com o retorno de Cam Newton como QB1.

Em Patriots x Broncos, todas as fragilidades do ataque dos Patriots foram expostas e o time acabou perdendo mesmo sem levar nenhum touchdown, por um placar de 18 x 12.

Defesa sofreu contra o jogo corrido, mas foi bem na red zone

No último Podcast elogiei a defesa dos Pats, justamente a DL e o pass rush. Talvez cedo demais.

Nessa partida a defesa dos Patriots sofreu para conseguir parar Phillip Lindsay que, sozinho, conquistou 101 jardas terrestres das 135 totais do Denver Broncos, em 23 carregadas.

A pressão em cima de Drew Lock demorou a acontecer e foi aparecer somente no fim do segundo quarto, com um sack de John Simon.

O outro sack em Lock ficou na conta de Shilique Calhoun e Ja’Whaun Bentley.

Bentley, que devo ressaltar, teve uma boa partida, além do meio sack, teve 12 tackles totais, sendo 8 solo, 2 tackles para a perda de jardas e 2 QB hits.

A secundária sofreu em alguns momentos, como por exemplo quando J-Mac e JC Jackson foram queimados pelo WR Tim Patrick.

Contudo, é importante ressaltar que os Broncos não conseguiram entrar na end zone dos Patriots. Grande parte do mérito disso é do CB Jonathan Jones.

Jones foi o melhor jogador dos Pats na partida, incontestavelmente. O DB terminou a partida com 3 passes desviados, todos na end zone, e uma INT, que chegou a deixar os Pats em posição de vencer a partida:

O ataque foi um desastre

Não consigo encontrar outra palavra se não desastre para definir o ataque nesse Patriots x Broncos.

Primeiro pela OL, que começou com Herron – Wynn – Thuney – Onwenu – Eluemunor e terminou com Wynn – Onwenu – Thuney – Froholdt – Herron. Com Feretnz na COVID-19 list, Joe Thuney teve que jogar como center de novo e Eluemunor machucou o tornozelo durante a partida.

Com apenas 2 titulares e que não jogaram em suas posições precípuas, a OL sofreu muito. Foram 4 sacks cedidos e 8 QB hits. Newton não teve muito tempo de proteção para lançar. Infelizmente uma tarde de queda de produção de uma unidade que estava indo bem, apesar das ausências de Andrews e Mason.

E por falar em Newton, o seu retorno após duas semanas não foi o que esperávamos. Aliado ao baixo desempenho da OL, Newton não conseguiu passar a bola, quando fazia era sempre procurando James White, o que ficou manjado pela defesa dos Broncos, que sempre estavam a postos para tackelar o RB.

Falta de treino ou não, é fato que Newton precisa melhorar e jogar ao menos parecido como jogou contra os Seahawks se quisermos continuar tendo esperanças de que o time chegue aos playoffs.

Falar do grupo de recebedores é chover no molhado. Uma das grandes incógnitas é Ryan Izzo continuar sendo o TE1. Mais uma vez o jogador não conseguiu manter o domínio da bola e sofreu um fumble.

Os WR sofreram mais uma vez. Sem conseguir separação, apenas Byrd, Zuber e Edelman receberam passes de Cam Newton. Harry foi alvo duas vezes. Em uma delas Cam foi interceptado e na outra o WR sequer chegou perto da bola.

Os Pats também perderam na batalha dos turnovers. Foram 2 interceptações da defesa do Broncos, sendo que em uma a bola ficou com um DL, e o fumble forçado em Izzo onde o adversário ficou com a bola.

Os Pats e o futuro…

Não acho que deva ser deixado de lado o fato de que o time sofreu com um turbilhão de situações e incertezas nas últimas duas semanas. Foram 8 jogadores positivados com COVID-19 e dois treinos em 15 dias. É complicado chegar em uma partida assim.

Contudo, os problemas apresentaram no domingo me lembraram muito o time de 2019. O QB sem proteção e tempo por causa da OL e um grupo de recebedores fraco.

Além disso, acho que nessa partida em questão a comissão técnica não foi tão bem, tanto em algumas movimentações quanto em decisões. Apesar do double-pass e da trick-play que culminaram em dois passes certeiros de Julian Edelman, não ter chutado o ponto extra e partido para a conversão de 2 pontos não foi bom.

O próprio Belichick admitiu que o time precisa treinar e melhorar, além de apresentar muito além do que foi em Patriots x Broncos.

E vão precisar sim, pois a próxima partida é contra o 49ers que vem embalado após vencer o rival de divisão Los Angeles Rams no SNF, após semanas de perrengues.

Acompanhe o Patriotas nas redes sociais, Twitter e Instagram para informações em tempo real.

Compartilhe esta matéria:

Share on facebook
Share on twitter

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O Patriotas é um fã clube oficial no Brasil e reconhecido pelo New England Patriots nos Estados Unidos.

Site desenvolvido pela equipe Patriotas.