Tatidown Patriots – Semana 11: Patriots X Texans

Patriots x Texans se enfrentaram no primeiro horário da rodada de domingo e com uma defesa apática, os Pats perderam por 20 x 27.

A seguir, confira uma breve análise da partida.

Tatidown Semana 11: Patriots x Texans

Olá Patriotas!

E mais uma vez os Patriots se complicaram quando não deveriam.

Enfrentando um time com uma defesa ruim contra o jogo terrestre, o jogo corrido dos Pats não se encaixou e, apesar de ter uma DL que deveria vencer nas trincheiras a OL dos Texans, a defesa sucumbiu.

Agora, com um recorde 4-6, os Patriots diminuem drasticamente as chances de playoffs já que de agora em diante o calendário se complica novamente.

A defesa que não consegue tacklear

Em todas as partidas dos Patriots temos visto a mesma coisa em 2020: a defesa com uma dificuldade imensa em dar tackles.

Essa deficiência já havia custado as partidas contra o Denver Broncos e contra o San Francisco 49ers. Enfrentando um Texans, ainda que combalido, mas com um QB dentre os melhores da nova safra, não foi diferente.

Em Patriots x Texans, Deshaun Watson lançou 28/37 passes para 344 jardas, 2 TDs e ainda marcou um TD corrido.

Créditos: Maria Lysaker/Patriots

O LB Ja’Whuan Bentley retornou após perder os dois últimos jogos com uma lesão na virilha e o seu retorno não deu impacto algum para a defesa, muito pelo contrário.

Bentley estava lento em suas leituras, foi queimado no meio do campo e cedeu 1 passe de 7 jardas, além de ter sido queimado por Deshaun Watson ao correr para a end zone e marcar o TD.

Entendo que seja um ano extremamente difícil para a posição de linebackers, já foi dito infinitas vezes pelo Patriotas, mas a posição não ter velocidade e rapidez para tacklear, tem custado muito.

Nesta partida também acredito em alguns erros de chamadas da comissão técnica, como por exemplo, em alguns drives, vimos a defesa formada com apenas 3 defensores na DL enfrentando os 5 da OL dos Texans e os edges não conseguindo realizar infiltrações.

Para finalizar, a secundária foi praticamente inexistente. J.C. Jackson cedeu 4 de 8 passes para 86 jardas, Jonathan Jones cedeu 3 de 4 passes para 32 jardas e 1 TD e Devin McCourty cedeu 1 de 1 passe para 3 jardas e 1 TD.

Dura partida para a secundária, onde mesmo o jogador mais consolidado do grupo não jogou bem.

O ataque foi bem, mas não foi o suficiente

Cam Newton jogou bem. Foram 26 de 40 passes para 365 jardas e 1 TD. Cam lançou um passe de 42 jardas para Damiere Byrd, que marcou o TD mais longo da temporada 2020 dos Patriots.

Byrd também teve uma boa partida, foram 6 recepções para 132 jardas.

Contudo, em Patriots x Texans, a arma mais poderosa do ataque dos Pats não funcionou. Em parte pela boa atuação da defesa dos Texans, em parte por chamadas duvidosas de Josh McDaniels.

Apesar do drive inicial empolgar e terminar com TD corrido de Damien Harris, em toda a tarde o jogo corrido termiou com apenas 24 carregadas para 86 jardas.

A defesa dos Texans mandou blitz, o que complicou a vida de Cam Newton:

Mérito de Romeo Crennel e o coordenador defensivo Anthony Weaver, que souberam organizar a defesa para parar o que de mais talentoso o ataque dos Pats tem, o jogo corrido e a mobilidade de Cam Newton para ganhar jardas terrestres.

Os sacks ficaram um na conta de Isaiah Wynn e outro na conta de Ryan Izzo.

Em contrapartida, vimos mais uma excelente partida de David Andrews, Shaq Mason e Mike Onwenu. Os três terminaram a partida sem ceder pressão e/ou sack.

E mais uma vez a performance de Onwenu merece destaque, pois o jogador jogando como RT conseguiu dificultar a vida de J.J Watt, que conseguiu desviar 4 passes, o fez porque Onwenu impediu que o jogador penetrasse na OL e chegasse até Cam Newton.

E mais uma vez, o futuro dos Pats é incerto

Incerteza é a plavra que define esse time de 2020.

Tudo o que o time apresentou de bom na partida contra o Baltimore Ravens sucumbiu nesta partida contra o Houston Texans.

Além disso, se na semana anterior o time não sofreu com lesões, nessa semana o time pode ter que lidar com uma perda que pode ser extremamente sentida: Rex Burkhead deixou a partida com uma lesão no joelho, que pode custar a ele o fim da temporada.

Rex Burkhead saindo da partida no carrinho após lesionar o joelho no terceiro quarto. Créditos: Carmen Mandato/Getty Images

No fim da partida, o LT Isiah Wynn também se machucou. Ele saiu da partida com uma possível lesão no tornozelo e, ao longo da semana devemos ter mais notícias.

No próximo domingo o desafio é o crescente Arizona Cardinals, que é o ataque número 1 da liga e o 2º no jogo terrestre.

Apesar de a partida ser no Gillette Stadium, sabemos que a casa dos Pats não é mais a fortaleza do time.

É aguardar e conferir.

__________________________________

Siga o Patriotas no Twitter e no Instagram!

Compartilhe esta matéria:

Share on facebook
Share on twitter

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O Patriotas é um fã clube oficial no Brasil e reconhecido pelo New England Patriots nos Estados Unidos.

Site desenvolvido pela equipe Patriotas.