Tom Brady fala sobre os Bengals e brigas em campo

Após a vitória sobre os Bengals neste domingo, Tom Brady concedeu sua entrevista semanal na manhã de ontem.

Tom Brady fala sobre os Bengals e as brigas em campo

Brady começou falando sobre as discussões e brigas durante o jogo.

“Você tem que lidar com isso as vezes, mas acho que tivemos muitos problemas domingo. Não vi o tackle de Burfict em Bennett, então não posso falar sobre isso.”

De acordo com Brady, para lidar com times como os Bengals é deixar as agressões de lado e vencer no placar.

“O jogo deles é bater em você. Eles não são o time mais rápido em campo, mas se eles conseguem alinhar em você, vão tentar arrancar sua cabeça, e é por isso que sua defesa é tão boa. Eles são grandes, fortes, e esta é uma marca registrada deles. Eles têm muitos jogadores que estão prontos pra bater em você, em man coverage normalmente um jogador faz o tackle. Em zona, são dois jogadores mais um que esta com o receiver, então vêm três pra cima da bola.”

Brady ainda diz que dá dicas aos receivers.

“Eu sempre falo que eles precisam ser inteligentes em tentar ganhar jardas. Quanto mais tentarem, mais gente vem pra cima. Não é muito bom jogar três jogos seguidos e ficar três de fora. Você precisa ser inteligente, tentar ser durável, e parte disso são as decisões dentro de campo. Especialmente quando você é um receiver de 86kgs contra um LB de 120kgs. “

O QB comentou sobre a fama dos Bengals em campo:

“É sempre assim contra eles. Eles têm um histórico com alguns jogadores particulares, e sempre acontece. Gronk fez algumas jogadas em cima deles e óbvio que não gostaram. Eu prefiro não brigar, voltar pro huddle e fazer eles pagarem no placar. Mas as vezes as brigas acontecem.”

Surpreendentemente, Brady concedeu uma entrevista pós-jogo à ESPN, aquela das 11 de 12 bolas vazias.

“Não pensei muito nisso, eu estou tentando seguir em frente. Isto agora é passado, muita gente foi boa demais pra mim ao longo dos anos, e muita gente me apoiou durante estes 17 anos. Sou uma pessoa muito positiva, tento gostar de todo mundo, este é o meu jeito.”

Questionado se ele gostaria até de R.G (Roger Goodell), ele respondeu:

“Eu não penso nisso.”

Compartilhe esta matéria:

Share on facebook
Share on twitter

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O Patriotas é um fã clube oficial no Brasil e reconhecido pelo New England Patriots nos Estados Unidos.

Site desenvolvido pela equipe Patriotas.