Estamos usando Trey Flowers da forma certa?

Trey Flowers New England Patriots franchise tag

O início do traning camp trouxe uma notícia que abalou os fãs Patriotas e ao que parece, as estratégias de Matt Patricia, que sem Ninkovich, parece estar querendo usar Trey Flowers da mesma forma que usava Rob até ano passado.

Estamos usando Trey Flowers da forma certa?

Matt Patricia está, desde o training camp, procurando o novo Ninko da defesa. A primeira tentativa foi com Kony Ealy, que claramente não deu certo e isso gerou o corte do jogador. Ainda naquele momento, vimos Harvey Langi ser muito utilizado como DE e voltando para ajudar na marcação, diferente de Ealy, isso contribuiu bastante para a permanência do rookie no elenco.
Mas a temporada se iniciou e Langi não recebeu praticamente nenhuma oportunidade nos jogos, fazendo com que outro jogador assumisse esse papel.

Foi então que Trey Flowers, nosso defensive end mais experiente do elenco, que possui as maiores capacidades de chegar no QB, passou a ser utilizado desta forma.

Flowers, que já tem em seu jogo a característica de alinhar nas pontas e no interior da linha defensiva, passou a ter o terceiro papel na defesa.

Até então, não vimos nenhum momento onde Flowers foi decisivo numa cobertura. A única parte positiva desta nova função do jogador, é dar uma leitura diferente para a linha ofensiva adversária, que acaba não sabendo se Trey irá para cima ou vai recuar. Isso pode tirar a atenção do OL e fazer com que outro jogador ganhe vantagem numa blitz, por exemplo.

Olhando nos números, não parece que isso esteja afetando tanto a performance do jogador, já que ele é o melhor DL em sacks, pressão, hurry e hits até o momento. Mas será que se Patricia liberasse Trey Flowers para ir para cima em todas as jogadas, os números do DE não seriam ainda melhores?

Quando vemos a defesa, percebemos que Trey não é o único a ser utilizado desta forma. O recém chegado, Cassius Marsh, é outro jogador que por diversas vezes está recuando para trabalhar no cover.
Porém, se Trey não vem fazendo diferença na cobertura, Marsh vem se destacando negativamente quando faz isso, sofrendo passes de RBs e WRs (sim, Patricia já colocou o DE para marcar um WR).

Ao que tudo indica, nosso coordenador defensivo continuará usando essa fórmula de ter um DE voltando na marcação e até aqui, Flowers é praticamente a nossa única opção.
Nos resta apenas esperar pela volta de Shea McClellin, que já voltou a treinar e pode voltar a jogar a partir da semana 10, para vermos como será dividida essa função, já que McClellin é o jogador que mais se encaixa no elenco para isso.

Tenha acesso as notícias diretas de New England, em português, diariamente, seguindo o nosso twitter.

Compartilhe esta matéria:

Share on facebook
Share on twitter

Este post tem 3 comentários

  1. Felipe, esse post é mais um da saga coisas que não entendemos da nossa defesa! Rsrs. Gostaria de te fazer uma pergunta, eu reparei que nesse ano temos alinhado muito no 3×4, mais do que em anos anteriores, colocando DE para serem OLB, o que acaba gerando o que você falou pois o jogador OLB ele é mais versátil do que o DE. Será que isso é por causa da nossa deficiência de Linebackers? Não tem nenhum no mercado que possa quebrar um galho? Parabéns pelo trabalho de vocês! Abs.

    1. Geraldo, eu acho sim que essa estratégia é muito pela falta de capacidade dos LBs em fazer esse papel. Jogadores livres tem de monte, o Bowman esses dias estava com a carreira em aberto, mas até aqui, não sabemos de nenhuma tentativa da comissão técnica querer falar com ele ou com outro LB free agent.
      Ao que me parece, eles estão satisfeitos da forma como está e acreditam que a melhora virá de dentro mesmo do elenco.

  2. Acho eu, que pedir ao Trey Flowers pra fazer cobertura é cair no mesmo erro que foi feito com o Kony Ealy, com isso deixamos de ter um cara a mais na rotação de pass rusher.
    Fazer jogadores de quase 130kg, com pouca mobilidade lateral pra fazer coberturas e correr atrás de RB de 90kg é querer assistir a cena do Cassius Marsh nem vendo por onde o kareem hunt passou no primeiro jogo.
    Os Chiefs, Texas, Panthers usaram muito essa jogada, quando não eram seus próprios QBs que corriam, e o Atlanta também adora e vai abusar de dar passes curtos para seus RBs, pois é nítido que o novo Coordenador Ofensivo não tem a mesma categoria pra chamar as jogadas que o anterior.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O Patriotas é um fã clube oficial no Brasil e reconhecido pelo New England Patriots nos Estados Unidos.

Site desenvolvido pela equipe Patriotas.